Tamanho do texto

Atacante do São Paulo assegura estar recuperado das lesões e afirma que tem bola para jogar na seleção

Todo atacante diz que seu marketing é “fazer gols”. Luis Fabiano , do São Paulo , não é diferente. O “Fabuloso” diz que se compara a astros como Neymar e Ronaldo “Fenômeno”, mas afirma ser um sucesso de marketing. Em participação no programa “Altas Horas”, da TV Globo, o centroavante revelou quantas camisas com seu nome foram vendidas desde que ele retornou ao Morumbi, e também o que atrapalhou a vender ainda mais.

PODE? Na TV, Luís Fabiano tira dúvida sobre sexo antes dos jogos e se anima

“Eu sou um cara tímido, não saio muito na televisão. Não sou igual a Neymar e Ronaldo na questão do marketing, mas tenho números satisfatórios. O São Paulo vendeu 150 mil camisas desde que eu cheguei, acho um número bom. Se eu não fosse tímido, venderia ainda mais. Mas cada um tem seu jeito de ser. O Neymar vive a melhor fase da vida, é o jogador do momento. Mas acho que, no fim das contas, eu trouxe bom retorno para o São Paulo”, declarou o camisa 9, apresentado pelo clube tricolor em evento de pompa no Morumbi.

TÍTULO INÉDITO: CBF faz sorteio e favoritos decidem em casa na Copa do Brasil

Vivendo boa fase após se recuperar de mais uma lesão desde que voltou ao Brasil, Luis Fabiano contou detalhes do seu processo de recuperação, e assegurou estar livre de novos machucados.

CBF: Marin isenta São Paulo por exclusão do Morumbi da Copa

“Cheguei machucado no São Paulo. Era uma lesão que iria se curar em dois meses, mas existia uma fibrose, que estava me limitando nos treinos e me impedindo de jogar. Tive que operar. Fiquei seis meses em recuperação, tudo legal, mas, como estive meses parado, atrapalhou na hora de voltar. O músculo não estava adaptado ao futebol de alto nível, a treinos diários. Eu sabia que existia a chance de ter outras lesões quando voltasse a jogar, que foi o que aconteceu. Tive lesões e um edema, fiquei mais de mês parado, mas eu sabia que ia acontecer. Hoje, graças a Deus, estou 100% recuperado e quase superando totalmente o problema das lesões”, revelou.

Deixe o seu recado e comente a notícia com outros torcedores

Segundo Luis Fabiano, o São Paulo vendeu 150 mil camisas com seu nome desde que ele voltou ao Morumbi
AE
Segundo Luis Fabiano, o São Paulo vendeu 150 mil camisas com seu nome desde que ele voltou ao Morumbi

CONFUSÃO: Internacional diz que São Paulo está tentando pressionar Oscar

Pensando agora só em jogar futebol, o “Fabuloso” diz que ainda tem lenha para queimar. Ele se vê, inclusive, com a “amarelinha” na Copa do Mundo do Brasil , em 2014. “Tenho esse objetivo de voltar à seleção. Sei que ainda tenho condições de jogar. Não está fácil, porque o Mano (Menezes) conta com outros jogadores no momento. Mas, se tudo correr bem esse ano com a camisa do São Paulo, tenho certeza que vai pintar a oportunidade. E pintando, já sei bem o que fazer”, disse o atleta, que foi o camisa 9 da seleção brasileira no Mundial da África do Sul, em 2010.

Ajude o São Paulo a aumentar sua torcida virtual

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.