Tamanho do texto

Time fez valer bom futebol em Salvador e reverteu resultado do primeiro jogo. Agora, pega a Lusa nas oitavas

Rafael Donato comemora gol com o técnico Falcão
AE
Rafael Donato comemora gol com o técnico Falcão
Na noite desta quinta-feira, o Bahia fez a lição de casa no estádio do Pituaçu e goleou o Remo pelo placar de 4 a 0, em partida de volta válida pela segunda fase da Copa do Brasil. Lulinha, aos 12 do segundo tempo, Rafael Donato, aos 27, Junior, aos 30 minutos, e Vander, aos 34, construíram a goleada tricolor.

Leia ainda: A definição da ordem dos jogos nas oitavas de final

Na primeira partida, o Bahia havia perdido para o time paraense pelo placar de 2 a 1, mas conseguiu reverter o placar e avançou. Nas oitavas de final, o time baiano enfrenta a Portuguesa , que passou pelo Juventude. A primeira partida será no estádio do Canindé, em São Paulo, na próxima quarta-feira.

O jogo
A equipe do Bahia começou o confronto se aproveitando do mando de campo e pressionando a equipe visitante desde o início da partida. O goleiro Adriano, do Remo, precisou intervir em alguns lances para evitar que o Tricolor abrisse a contagem. Em um dos lances de maior perigo, o atacante Junior acertou um forte chute, mas o arqueiro remista levou a melhor.

Já na segunda etapa, os comandados do técnico Falcão acordaram na partida e, mudando o cenário do jogo, transformaram toda a pressão sobre o time paraense em gols. Aos 12 minutos, após cruzamento de Madson, Lulinha abriu a contagem para a equipe mandante.

Veja mais: Copa do Brasil terá oitavas de final apenas com times tradicionais

Aos 27 minutos, em cobrança de escanteio de Gabriel, o zagueiro Rafael Donato, de 1,93m, tirou vantagem de sua estatura, subiu mais alto que a zaga e cabeceou no ângulo, sem chances para o goleiro Adriano: 2 a 0.

Três minutos mais tarde o artilheiro Junior marcou o terceiro gol do Bahia, novamente após cobrança de escanteio de Gabriel.

Quatro minutos depois, Vander, que entrou o lugar de Junior, se aproveitou de falha do zagueiro Diego Barros, chutou a primeira em cima do defensor mas, no rebote, selou a goleada Tricolor em 4 a 0.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.