iG - Internet Group

iBest

brTurbo

 

Futebol

22/11 - 12:04

Sanchez coloca Adriano na conta de Ronaldo e nega negociação

"Fenômeno" sugeriu ter o "Imperador" como parceiro, mas presidente diz que atacante da Roma só chega ao Corinthians se Ronaldo "der os cheques"

Bruno Winckler, enviado iG em Salvador

O presidente Andrés Sanchez negou que o Corinthians tenha tentado ou venha a tentar a contratação do atacante Adriano para o ano que vem, mas diz que “se Ronaldo der o cheque”, o atual reserva da Roma pode acertar com o time paulista em 2011.

“Se o Ronaldo fizer dez cheques pré-datados com valor que ele quer ele está pedindo pode ser contratado. O Corinthians não tem viabilidade financeira pra trazer um jogador do nível do Adriano”, disse Andrés Sanchez, à Rádio Globo, antes da partida contra o Vitória, domingo.

Nas últimas semanas, em duas entrevistas que concedeu, Ronaldo citou que o “Imperador” seria um ótimo substituto para ele no Corinthians, ou até mesmo um parceiro já para 2011. A situação financeira do clube paulista e o longo contrato que Adriano ainda tem a cumprir com a Roma – seu vínculo com o clube italiano é válido até junho de 2013 – são os argumentos da diretoria corintiana para rechaçar qualquer negociação. “Ele ganha em euro nós temos reais. São três para um (na con versão). Não temos condição”, diz o diretor de futebol Mário Gobbi.

Além de negar que Adriano possa vir para o Corinthians, Sanchez disse ainda que não há nenhuma negociação em curso envolvendo o volante Jucilei. O jogador recentemente convocado para a seleção brasileira tem despertado a atenção de clubes europeus e a Juventus, de Turim, já até mandou observadores para assistir a jogos do Corinthians de olho no volante. “Se venderam o Jucilei não avisaram e não me mandaram o dinheiro”, disse Sanchez.

A intenção do Corinthians e do jogador, segundo seu empresário, Nick Arcuri, é que Jucilei continue no clube pelo menos até a metade de 2011, no fim da temporada europeia.


Leia mais sobre: Corinthians Campeonato Brasileiro Adriano

> Você tem mais informações? Envie para Minha Notícia, o site de jornalismo colaborativo do iG


Topo
Contador de notícias