iG - Internet Group

iBest

brTurbo

 

Futebol

11/11 - 09:00

André Luis: "Não vejo muita diferença entre o Santos de 2002 e o Fluminense atual"
Zagueiro cita time campeão brasileiro que tinha Robinho e Diego, mas pede paciência e tranquilidade à torcida do Fluminense nos quatro jogos que restam neste Brasileirão

Marcello Pires, iG Rio de Janeiro

Se depender do sentimento e da opinião de André Luis, substituto de Gum na partida contra o Goiás, o torcedor do Fluminense tem pode ficar ainda mais animado nessa reta final de Brasileirão. Bicampeão com o Santos em 2002 e 2004, o zagueiro disse que vê muitas semelhanças entre o time que encantou o Brasil, liderado por Diego e Robinho, e o Fluminense atual.

“Não vejo muita diferença entre o Santos de 2002 e o atual Fluminense. São duas equipes semelhantes. Assim como aquele Santos, o Fluminense possui um elenco de muita qualidade, bastante unido e com muita vontade de vencer. Enquanto o Santos buscava seu primeiro título brasileiro, nós estamos em busca de um após 26 anos de espera”, revelou o zagueiro.

Experiente , André Luis quase entrou para a história do clube em 2001, quando o Fluminense chegou à semifinal do Brasileiro mas perdeu a vaga na decisão com uma derrota de 3 a 2 para o Atlético-PR. O zagueiro nascido em Bagé sabe que, para não desperdiçar essa segunda chance, a equipe vai precisar controlar os nervos.

“Estamos muito perto de conquistar nosso objetivo. É uma situação confortável, mas ainda não ganhamos nada, e isso só aumenta nossa responsabilidade daqui pra frente. Precisamos de paciência e tranquilidade nesses quatro jogos que faltam. É difícil, mas temos que segurar um pouco nosso ímpeto e a ansiedade”, disse André Luis.


Leia mais sobre:

> Você tem mais informações? Envie para Minha Notícia, o site de jornalismo colaborativo do iG


Divulgação

André Luis, zagueiro do Fluminense

André Luis
O zagueiro substitui Gum contra o Goiás

Topo
Contador de notícias