iG - Internet Group

iBest

brTurbo

 

Futebol

22/10 - 08:15

Campanha no Brasileirão valoriza atletas do Atlético-PR

Site alemão especializado em cotação de jogador destaca o goleiro Neto e o zagueiro Rhodolfo como os mais bem cotados do elenco atleticano

Altair Santos, especial para o iG

A boa campanha do Atlético Paranaense no Campeonato Brasileiro deste ano levou à valorização de 17 dos 32 jogadores que formam o elenco do clube nesta temporada. Segundo o site alemão Transfermarkt, o grupo atleticano está avaliado em 15,7 milhões de euros (cerca de R$ 42 milhões), e os destaques são o goleiro Neto, recentemente convocado para a seleção brasileira, e o zagueiro Rhodolfo.

A valorização de Neto é de 600% desde o início do ano. O jogador de 21 anos valia 150 mil euros em janeiro e, agora, está avaliado em 900 mil euros (aproximadamente R$ 2,4 milhões). Segundo a diretoria do Atlético, a cotação é baixa. O clube estima que o camisa 1 valha atualmente R$ 3 milhões. “É preciso colocar aí o potencial dele de se firmar na seleção e estar na Olimpíada de 2012”, diz o presidente Marcos Malucelli.

Gazeta Press
Neto chegou à seleção brasileira, e Atlético-PR quer torná-lo ídolo perene do clube

O Atlético, no entanto, avisa os clubes que queiram assediar Neto: “Não está à venda”, diz o dirigente. O goleiro tem contrato até 2014, e o clube estima que, depois de Caju, que foi titular da seleção há mais de 60 anos, finalmente tem em mãos um jogador capaz de projetar o Atlético no time de Mano Menezes.

Segundo jogador mais valorizado do Atlético, o zagueiro Rhodolfo saiu da cotação de 600 mil euros, em junho de 2008, para 1,2 milhão de euros (cerca de R$ 3,2 milhões). O clube também estima que a cotação esteja baixa. Com contrato até 2013 e apenas 24 anos de ida, o  jogador é avaliado pelo Atlético, para início de negociação, em 2 milhões de euros (aproximadamente R$ 5,4 milhões).

Atualmente, Rhodolfo vive situação oposta à do lateral-esquerdo Márcio Azevedo. No ano passado, o jogador era o mais bem cotado do Atlético e foi avaliado em 1,7 milhão de euros. Hoje, vale 1 milhão de euros. A desvalorização se deve a um edema ósseo no joelho direito, detectado após a partida contra o Vitória , no dia 5 de junho, em Salvador. Desde então, Márcio Azevedo está entregue ao departamento médico, e a previsão é de que só retorne na próxima temporada. “É uma recuperação lenta”, explica o médico-chefe do clube, Edílson Thiele.

Além do lateral, outros 12 jogadores do Atlético também se desvalorizaram, e três mantiveram-se estáveis. Os motivos são variados. Vão desde a expectativa criada em torno do atleta, mas que acabou frustrada, até questões como idade. Um exemplo emblemático é Paulo Baier. Apesar de ser o “cérebro” da equipe, aos 35 anos o meio-campista está cotado em 300 mil euros. Valor bem distante do que valia em 2008, quando, jogando pelo Goiás, tornou-se o artilheiro do Campeonato Brasileiro na era dos pontos corridos. Há dois anos, Baier foi cotado em 2,5 milhões de euros.


Leia mais sobre: Atlético-PR Rhodolfo Neto

> Você tem mais informações? Envie para Minha Notícia, o site de jornalismo colaborativo do iG


Gazeta Press

rhodolfo atletico-pr

Rhodolfo
Zagueiro é avaliado em 1,2 milhão de euros por site, mas clube quer quase o dobro

Topo
Contador de notícias