iG - Internet Group

iBest

brTurbo

 

Futebol

19/10 - 20:15

Sob duplo clima tenso, Lyon defende liderança contra Benfica

Com campanha franca no Francês e vendo crise no país, time de Michel Bastos joga em casa. Schalke busca subir na tabela contra o Hapoel

Gazeta Esportiva

O Lyon entra em campo nesta quarta-feira para defender a liderança do Grupo B da Liga dos Campeões sob duplo clima tenso: a equipe precisa deixar para trás a crise vivida na temporada, que ameaça o cargo do técnico Claude Puel, e em meio à greve geral decretada na França, buscar uma vitória sobre o Benfica, de Portugal. A partida está marcada para as 16h45 (de Brasília), no Stade de Gerland.

O início de temporada do time é fraco e o técnico Claude Puel tem sua cabeça ameaçada à frente do Lyon. No Campeonato Francês, o heptacampeão aparece apenas na 14ª colocação. A esperança de salvação, a princípio, é a Liga dos Campeões, na qual venceu seus dois duelos até o momento, contra Schalke 04, da Alemanha, e Hapoel tel Aviv, de Israel.

O principal destaque do time na competição é o meia brasileiro Michel Bastos, que após defender a seleção brasileira na Copa do Mundo da África do Sul engatou grande fase - tem se sobressaído. Na Champions, já marcou três vezes, ajudando a definir os triunfos. O Benfica, por sua vez, espera aproveitar o momento tenso do time e do país para roubar a liderança da chave.

A equipe chegou a temer pela não realização da partida, já que a greve geral inclui os controladores de tráfego aéreo franceses. Os portugueses chegam apostando no argentino Javier Saviola, que recupera a boa fase na carreira. "A temporada não começou como pretendíamos, mas a equipe agora está muito melhor. Estamos a trabalhar para recuperar o nosso nível", apontou.

Schalke em busca da ponta
Empatado com o Benfica com três pontos e de olho no duelo dos portugueses contra o Lyon, o Schalke encara o Hapoel tel Aviv para afundar de vez os israelenses e tentar pular para a primeira colocação do Grupo B da Liga dos Campeões. A partida será realizada às 16h45 (de Brasília), na Veltins-Arena, em Gelsenkirchen, Alemanha.

A maior aposta da equipe está no meia croata Ivan Rakitic, que retorna ao time depois de defender sua seleção na categoria sub 21. "Assistimos ao video do Hapoel e falamos sobre eles. Conheço alguns jogadores porque a Croácia jogou em Israel nas Eliminatórias europeias. Vários deles são da seleção israelense, então posso identificar pontos fortes e fracos", apontou.


Leia mais sobre:

> Você tem mais informações? Envie para Minha Notícia, o site de jornalismo colaborativo do iG


Topo
Contador de notícias