iG - Internet Group

iBest

brTurbo

 

Futebol

19/10 - 14:07

Andrés responde críticas e chama Juvenal de preconceituoso
Presidente do Corinthians se irrita com entrevista do dirigente são-paulino sobre o estádio de Itaquera e fala em discriminação

iG São Paulo

A entrevista do presidente do São Paulo, Juvenal Juvêncio, dada nesta terça-feira, criticando o projeto do estádio do Corinthians, em Itaquera, como possível opção para a abertura da Copa do Mundo de 2014, causou irritação no Corinthians. O presidente do clube, Andrés Sanchez, em entrevista à rádio "Jovem Pan", acusou o colega são-paulino de preconceituoso.

"O Juvenal tem razão quando fala que existe muita prepotência referente à Copa do Mundo, a começar por ele próprio, que foi extremamente prepotente ao falar de uma região tão carente de infraestrutura como é Itaquera. O mais importante é o legado que ficará para a região. Nada mais justo que se invista lá", defendeu Andrés.

Em entrevista coletiva no CT de Cotia, onde o São Paulo treinou na manhã desta terça-feira, Juvenal criticou de forma firme a falta de estrutura existente na região. “Se temos por exemplo Itaquera. Para você chegar lá tem que chamar o Corpo de Bombeiros. Você pega a Angela Merkel (chanceler da Alemanha) e manda ela ir lá, ela não chega. E se ela tiver que sair também não sai, isso é um fato. Além da área do estádio, para a Copa do Mundo você precisa ter outras áreas para setor vip, very vip, essas coisas da Fifa. Como é que você pode fazer um negócio desse em Itaquera?", disse o presidente são-paulino pela manhã. Estas palavras deixaram Andrés Sanchez muito irritado.

"Ele demonstrou uma discriminação muito grande ao falar de Itaquera. Ele foi ridículo", disse Andrés. Em relação aos problemas na demora na evolução do projeto do estádio de Itaquera, citados por Juvenal, o dirigente corintiano tinha a resposta na ponta da língua. "Em primeiro lugar, em nenhum momento eu disse que estava construindo um estádio para a Copa do Mundo, mas sim para o Corinthians, com 48 mil lugares. Se o poder público e a Fifa quiserem, que façam as obras necessárias para ampliá-los para receber os jogos da Copa. Agora, se o Juvenal quiser, ele que feche o estádio dele e desaproprie aquelas mansões localizadas ao lado, para fazer as reformas necessárias".

O único ponto em que Andrés e Juvenal concordaram foi que há o risco de São Paulo ficar fora da Copa do Mundo. "Nisso ele tem razão. Existe um risco de não termos a Copa em São Paulo. As pessoas responsáveis precisam se mexer", afirmou o presidente corintiano.


Leia mais sobre: São Paulo Corinthians Juvenal Juvêncio Andrés Sanchez Itaquera

> Você tem mais informações? Envie para Minha Notícia, o site de jornalismo colaborativo do iG


Gazeta Press

us andres sanchez

Irritação
Andrés Sanchez chamou Juvenal Juvêncio de preconceituoso, por críticas a Itaquera

Topo
Contador de notícias