iG - Internet Group

iBest

brTurbo

 

Futebol

18/10 - 20:13

Com Fabregas, Arsenal reencontra Eduardo contra o 'brasileiro' Shakhtar
Equipes dividem a liderança da chave na Liga dos Campeões, com vantagem do time inglês no saldo de gols. Braga recebe o Partizan pelo mesmo grupo

Gazeta Esportiva

Com duas vitórias nas primeiras rodadas do Grupo H da Liga dos Campeões da Europa, Arsenal e Shakhtar Donetsk dividem a liderança da chave, com vantagem dos ingleses no saldo de gols (8 a 4). Nesta terça, eles se enfrentam às 16h45 (Brasília), e um dos destaques do confronto será o retorno do brasileiro Eduardo ao Estádio Emirates.

O atacante, que também tem nacionalidade croata, passou três anos nos Gunners, marcando oito gols em 41 jogos pelo Campeonato Inglês. "Eduardo ainda é nosso irmão e nós o amamos muito, pois ele foi grande quando esteve aqui. Eu o respeito, como todos os jogadores, e estamos muito felizes por ele estar voltando para cá", comentou o lateral-direito Eboué ao site da Uefa. O marfinense deve ser titular contra os ucranianos, pois o francês Bacary Sagna está machucado.

Por outro lado, o capitão Cesc Fabregas volta ao time após um mês fora. O espanhol machucou-se no empate por 1 a 1 com o Sunderland em 18 de setembro, e perdeu as partidas contra West Brom (2 a 3), Chelsea (0 a 2) e Birmingham (2 a 1). O técnico Arsene Wenger, no entanto, ainda não sabe se escalará o meia desde o início.

"Cesc se preparou bem e está pronto para jogar em plena forma, mas ainda não sei se começo com ele ou não. A questão é decidir se aposto ou não, pois ele está há um bom tempo sem jogar, mas, fisicamente, está pronto e querendo jogar", revelou o francês. "Vocês sabem da influência dele para o time. Ele é nosso líder, nosso passador, tem um alto número de assistências e faz gols. Em condições normais, o quero no time", confirmou.

Além de Fabregas, Wenger também vai poder contar com os retornos de Nicklas Bendtner e Theo Walcott. No entanto, além de Sagna, Laurent Koscielny, Thomas Vermaelen, Aarom Ramsey e Robin Van Persie estão lesionados e são desfalques confirmados.

No lado dos ucranianos, o único desfalque é o meia brasileiro Fernandinho. Os defensores Dmytro Chygrynskiy e Yaroslav Rakytskiy voltam ao time, assim como o atacante Douglas Costa. "Minha recuperação correu muito bem até o momento e acho que tenho boas chances de jogar. O trabalho foi feito da melhor maneira possível e, se tiver as melhores condições no dia da partida, vou tentar colaborar, porque podemos encaminhar a vaga à próxima fase em caso de vitória", argumentou.

Fernandinho, Douglas Costa e Eduardo não são os únicos brasileiros do Shakhtar. O técnico romeno Mircea Lucescu também tem à disposição os meias Jadson, Willian e Alex Teixeira, além do atacante Luiz Adriano. O boliviano Marcelo Moreno, com passagem pelo cruzeiro, também faz parte do elenco.

"Conhecemos o Shakhtar e sabemos que eles têm bons jogadores brasileiros. Eles jogaram bem seus primeiros jogos, contra Braga e Partizan, e venceram, como a gente. Temos que ter cuidado, pois eles têm bons jogadores", analisou Eboué.

Braga ainda sonha
No outro jogo do Grupo H, o Braga recebe o Partizan, às 16h45, no Estádio Axa, sem os zagueiros Léo Fortunato e Rodriguez. Por outro lado, o defensor Aníbal e o meia brasileiro Marcio Mossoró estão relacionados. As duas equipes ainda não pontuaram na Champions, mas o time português ainda acredita na classificação.

"É um jogo muito importante, e temos de ganhar para alimentar a esperança da próxima fase. Só nos passa isso pela cabeça, mas será preciso o esforço de todos para conseguirmos", explicou o técnico do Braga, Domingos Paciência ao jornal A Bola.


Leia mais sobre:

> Você tem mais informações? Envie para Minha Notícia, o site de jornalismo colaborativo do iG


Topo
Contador de notícias