iG - Internet Group

iBest

brTurbo

 

Futebol

10/10 - 08:30

De olho no título, Léo pretende "quebrar protocolo" e jogar contra o Internacional
Lateral de 35 anos seria poupado na próxima rodada, mas depois da vitória e o sonho do título mantido, Léo pode jogar contra os gaúchos

Samir Carvalho, iG São Paulo

Após a vitória diante do Atlético-PR por 2 a 0, no último sábado, na Vila Belmiro, pela 29ª rodada do Campeonato Brasileiro, o lateral-esquerdo Léo deixou o campo dizendo que pode “quebrar o protocolo” e atuar contra o Internacional, na próxima quarta-feira, na Vila, em jogo adiado da 13ª rodada da competição. Isso porque, a comissão técnica já havia definido que o camisa 3 seria poupado contra os gaúchos, mas com o sonho do título mantido, Léo pode continuar como titular da equipe. 

“Ele (Marcelo Martelotte) sabe o grupo que ele tem. Ele sabe com quem pode contar. Pelo protocolo eu estou fora. Mas estou tranquilo, estou com o treinador. Na quarta estava no protocolo para eu não jogar, mas vamos ver. Quem sabe eu possa estar em campo”, afirmou Léo.

O lateral-esquerdo de 35 anos não atua todos os jogos da equipe, pois sofre com lesões musculares. Desta forma, o técnico interino Marcelo Martelotte opta pelo revezamento durante os jogos e também escala o ala Alex Sandro. Contra Cruzeiro e Fluminense, o jovem entrou no segundo tempo e abriu o caminho da vitória santista nos dois jogos.

Com a vitória diante do Atlético-PR, o experiente lateral chegou a 100ª vitória no Campeonato Brasileiro. “São 100 vitórias no Campeonato Brasileiro, é muita coisa. Está chegando à hora de encerrar a carreira, mas ainda tenho um resto de pilha para jogar”, disse o lateral.

Apesar da vontade de jogar contra o Inter, o técnico interino não deve permitir a escalação de Léo. A intenção de Martelotte é prepará-lo para o clássico contra o São Paulo, no próximo domingo.

“É cedo para definir essa situação para quarta-feira, sabemos que a situação dele é diferente, pela idade, pelo histórico, ele tem nos ajudado muito. Não podemos correr riscos. O Léo é uma situação diferente, estamos trabalhando, recuperando, para que não tenhamos problemas mais graves, que o tire do campeonato”, afirmou o interino.

Caso Léo seja vetado pelo departamento médico, Marcelo Martelotte escalará o jovem Alex Sandro no setor.


 


Leia mais sobre:

> Você tem mais informações? Envie para Minha Notícia, o site de jornalismo colaborativo do iG


Topo
Contador de notícias