iG - Internet Group

iBest

brTurbo

 

Futebol

09/10 - 18:18

Coritiba vence o Bragantino com gol no fim

Time paranaense chegou a abrir 2 a 0, sofreu o empate, mas ainda teve forças para confirmar a vitória

Gazeta Esportiva

Após abrir 2 a 0 no placar, o Coritiba deixou o Bragantino empatar, mas, aos 41 minutos do segundo tempo, Tcheco cobrou falta e Cleiton deu a vitória ao time paranaense, que segue líder do Campeonato Brasileiro da Série B. A partida do estádio Nabi Abi Chedid, válida pela 27ª rodada, ainda teve dois gols de Enrico para o Coxa. Luciano Sorriso e Júnior Quixadá fizeram para a agremiação paulista.

Dessa forma, o time do técnico Ney Franco segue na liderança da segunda divisão, pois alcançou os 53 pontos e abriu cinco de vantagem para o vice-líder Figueirense. Essa diferença pode cair para quatro, caso o América-MG vença o Brasiliense ainda neste sábado, às 21h (Brasília). Nessa situação, o clube mineiro chegaria a 49 pontos. O Bragantino, por sua vez, parou nos 33 pontos e está em 13º, podendo terminar a rodada em 15º, caso Icasa e Paraná empatem.

Na próxima rodada, realizada inteira na terça-feira, o Coritiba recebe o América-RN, no Couto Pereira, às 19h30, enquanto o Bragantino vai a Florianópolis enfrentar o Figueirense no Orlando Scarpelli, às 21h.

O jogo 
A primeira chegada do Bragantino aconteceu logo aos 2 minutos, com Maurin chegando à linha de fundo e cruzando com perigo, mas Edson Bastos interceptou. Jogando em casa, a equipe do técnico Marcelo Veiga não se mostrava intimidada com o líder do campeonato e Luciano Sorriso quase abriu o placar com um chute de longe. Aos 20, o mesmo jogador arriscou de fora da área e assustou a torcida coxa branca.

Apesar da pressão paulista, quem abriu o placar foi o time paranaense. Quatro minutos depois, Leonardo recebeu de costas para o gol defendido por Gilvan e rolou para Enrico abrir o placar com um chute colocado. Foi o quarto gol do atacante na Série B deste ano.

O quinto veio logo na seqüência. Leonardo apareceu na cara do goleiro do Bragantino e bateu em cima dele, que permitiu rebote. Enrico aproveitou a demora da zaga dos anfitriões em afastar a bola para marcar seu segundo tento no jogo.

Tentando diminuir o vexame no Nabi Abi Chedid, Marcelo Veiga voltou do intervalo com Nego no lugar de Júlio César. O lateral-direito já chegou cobrando falta, desviada por Rodriguinho para defesa segura de Edson Bastos. Aos sete minutos, o técnico fez outra alteração, substituindo Marcelinho por Júnior Quixadá. E deu certo.

Em sua primeira jogada, o atacante entrou na área e recebeu falta de Lucas Mendes. O árbitro Leandro Vuaden marcou pênalti, bem cobrado por Luciano Sorriso no canto esquerdo de Edson Bastos. Aos 26 minutos, Quixadá ganhou de dois zagueiros do Coritiba, entrou na diagonal e bateu cruzado para empatar o jogo.

A partida pegou fogo e, aos 31 minutos, Marcos Aurélio entrou na área e foi derrubado por Everaldo. Leonardo cobrou a penalidade no canto esquerdo de Gilvan, mas o goleiro do Bragantino espalmou para o lado. Faltando quatro minutos para o fim, o Coritiba teve outra chance de mostrar por que é o líder do campeonato e dessa vez não decepcionou. Tcheco cobrou falta da esquerda na segunda trave e Cleiton apareceu sozinho para recolocar o Coxa à frente no placar.

FICHA TÉCNICA
BRAGANTINO 2 X 3 CORITIBA

Local: Estádio Nabi Abi Chedid, em Bragança Paulista (SP)
Data: 09 de outubro de 2010, sábado
Horário: 16h (Brasília)
Árbitro: Leandro Pedro Vuaden (RS)
Assistentes: José Antonio Chaves Franco Filho (RS) e Carlos Henrique Selbach (RS) Cartões amarelos: Everaldo, André Astorga e Luciano Sorriso (Bragantino); Cleiton e Leandro Donizete (Coritiba).
Gols:
BRAGANTINO: Luciano Sorriso, aos 9 minutos do segundo tempo e Júnior Quixadá, aos 26 minutos do segundo tempo
CORITIBA:
Enrico, aos 24 e 34 minutos do primeiro tempo e Cleiton aos 41 minutos do segundo tempo

BRAGANTINO: Gilvan; Everaldo, André Astorga e Marcos Aurélio; Júlio César (Nego), Eder Silva, Luciano Sorriso, Marcelinho (Júnior Quixadá) e Maurin; Rodriguinho e Finazzi (Éder).
Técnico: Marcelo Veiga

CORITIBA: Edson Bastos; Cleiton, Jeci e Lucas Mendes; Fabinho Capixaba (Tcheco), Leandro Donizete, Léo Gago, Rafinha e Triguinho (Bill); Enrico (Marcos Aurélio) e Leonardo.
Técnico: Ney Franco


Leia mais sobre:

> Você tem mais informações? Envie para Minha Notícia, o site de jornalismo colaborativo do iG


Topo
Contador de notícias