iG - Internet Group

iBest

brTurbo

 

Futebol

29/09 - 22:40, atualizada às 23:28 29/09

"Temos boas possibilidades de jogar outras vezes na Arena", diz Felipão

Técnico comemora participação da torcida no estádio e diz que reunião nesta quinta pode definir volta ao estádio. Assista ao vídeo abaixo

Gazeta Esportiva

Bastou sair do Pacaembu que o Palmeiras recuperou a força como mandante. Na Arena Barueri, um local em que nunca foi derrotado, o time paulista venceu com autoridade o Internacional nesta quarta-feira e alcançou a terceira vitória seguida no Brasileirão 2010.

"Amanhã (quinta) teremos uma reunião com a diretoria para saber onde jogaremos as próximas partidas. Contra o Ceará, já é certo que será aqui. Mas adianto que temos boas possibilidades de jogar outras vezes neste estádio", confirmou o técnico Luiz Felipe Scolari, extremamente alegre com a nova casa.

Distante cerca de 30 quilômetros da capital paulista, a Arena Barueri costuma receber públicos pequenos mesmo com a presença de equipes grandes do futebol paulista. Porém, mais de 12 mil espectadores acompanharam a vitória alviverde nesta quarta-feira. Felipão ficou satisfeito com o apoio.

"Percebi uma participação maior da torcida, situação que não ocorria em outras ocasiões (em jogos no Pacaembu). Eles tomaram atitudes positivas na questão da pressão contra o árbitro, também apoiaram bastante", exaltou o técnico.

Esbanjando sinceridade, Felipão confessou que já estaria satisfeito com a presença de 7 mil torcedores em Barueri. Com a chuva que castigou a Grande São Paulo, ele temia um público ainda mais reduzido. "Esse é o tipo de procedimento que queremos e nos faz pensar em continuar aqui", reforçou Scolari, que falou no vídeo abaixo:

 


Leia mais sobre: arena barueri felipão palmeiras

> Você tem mais informações? Envie para Minha Notícia, o site de jornalismo colaborativo do iG


AE

Felipão gostou do resultado positivo do palmeiras fora de casa

Felipão
No vídeo abaixo, técnico comentou sobre a conhecida habilidade de Marcos Assunção para cobrar faltas

Topo
Contador de notícias