iG - Internet Group

iBest

brTurbo

 

Futebol

16/09 - 19:32

Mano se preocupa com Neymar: "Ele precisa saber se comportar"

"Os fatos já vêm se repetindo um pouco e não é o primeiro jogo em que acontecem situações de exagero em relação ao comportamento", disse técnico da seleção

Gazeta Esportiva

Em entrevista à TV Globo nesta quinta-feira, o técnico da seleção brasileira, Mano Menezes, demonstrou preocupação quanto à situação do atacante Neymar. O jogador se envolveu em polêmica durante a vitória do Santos sobre o Atlético-GO, na quarta-feira, quando discutiu com o técnico Dorival Junior. Para Mano, o jovem craque precisa saber se comportar melhor.

"Minha atitude inicial é de preocupação. Os fatos já vêm se repetindo um pouco e não é o primeiro jogo em que acontecem situações de exagero em relação ao comportamento. É preciso ficar bem claro que vêm se repetindo algumas faltas em sequência. Isso é uma preocupação que nós todos temos de não deixar acontecer no futebol brasileiro", afirmou o comandante, em referência aos últimos deslizes de Neymar.

Antes de se indispor com Dorival Junior, o jogador já havia criado confusão na partida contra o Ceará - ele discutiu com o zagueiro João Marcos, iniciou confusão ao final da partida e teve de ser retirado pelos companheiros. Na rodada anterior, havia sido acusado pelo técnico do Avaí, Antônio Lopes, de agredir atletas rivais e provocá-los, dizendo ser um milionário.

"Ele precisa saber se comportar mais como um jogador que já passa a ser uma referência para o futebol brasileiro e, logo mais na frente, mundial", continuou Mano Menezes, que chamou Neymar para seu primeiro compromisso à frente da seleção brasileira. Em amistoso contra os Estados Unidos, o santista fez sua estreia com a amarelinha balançando as redes na vitória por 2 a 0.

"Na seleção ainda é diferente, pois o convívio é muito recente. Mas se permitirmos que isso venha acontecer com tanta frequência no clube, daqui a pouco vai se transferir para a seleção. E eu não estou falando isso em relação ao Dorival Jr., que respeito muito, e não tenho a intenção em me meter em assuntos de dentro do clube. Minha preocupação é com o jogador que está sendo formado. Porque, às vezes, você passa o aval de que isso é normal, e eu entendo que não é", disse o comandante.

Para Mano, a pressão sobre Neymar aumentou porque ele passou a ser a principal estrela em campo - antes, dividia a responsabilidade com Robinho (acertou com o Milan, da Itália), André (foi para o Dínamo de Kiev, da Ucrânia) e Paulo Henrique Ganso (lesionou o joelho). Segundo o comandante da seleção brasileira, o camisa 11 tem que se inspirar em grandes craques para superar as dificuldades.

"Mesmo nos momentos difíceis, todos os grandes jogadores passam por isso. No Santos mesmo temos o maior exemplo disso, que é o Pelé, e que pode, pela proximidade, também servir como referência para ele passar por esse momento", complementou Mano. Pela confusão, Neymar foi criticado publicamente por companheiros de equipe e acabou punido com multa salarial.


Leia mais sobre:

> Você tem mais informações? Envie para Minha Notícia, o site de jornalismo colaborativo do iG


Reuters

us mano menezes e neymar

Neymar e Mano Menezes
Em sua primeira convocação na seleção brasileira, treinador chamou o jovem atacante

Topo
Contador de notícias