iG - Internet Group

iBest

brTurbo

 

Futebol

16/09 - 20:05

Empresário de Neymar chama Renê Simões de medíocre

Criticado por Wagner Ribeiro, treinador também é acusado por árbitro de tê-lo xingado

 

Samir Carvalho, iG São Paulo

O empresário Wagner Ribeiro, que cuida da carreira de Neymar, disparou contra o técnico do Atlético-GO, Renê Simões, que chamou o atacante santista de mal-educado, após ouvir o jogador xingar o técnico Dorival Júnior. O agente disse que o treinador é medíocre e utilizou a inocência do atleta para esconder a situação dos goianos no Campeonato Brasileiro, que estão na zona de rebaixamento na competição.

"O medíocre treinador do Atlético-GO levando seu clube para a Serie-B, tomando uma virada de 4 a 2, resolveu fazer um discurso empolgante. Para tirar o foco do vexame, ele ofereceu a inocência e a evidencia de Neymar para massacrá-lo com colocações pesadas e feias", disse o empresário no Twitter. 

Wagner Ribeiro, que participou da reunião com a diretoria santista para discutir sobre a punição imposta pelo clube ao jogador, também declarou que Neymar foi bastante repreendido pelos pais nesta quinta-feira. "Menino de 18 anos erra mais que adulto de 50. Não se discute o que aconteceu entre Neymar e Dorival. Ele errou, levou bronca do pai e da mãe a chorar. Foi multado e massacrado pela mídia, fim", disse

Além das críticas de Wagner Ribeiro, o técnico do Atlético-GO foi acusado pelo árbitro Wallace Nascimento Valente de tê-lo xingado durante o jogo entre os goianos e o Fluminense, na semana passada, em Goiânia. O árbitro registrou os xingamentos na súmula do jogo. "Comunico ainda que após sua expulsão, falou as seguintes palavras. Esse árbitro tem que tomar no c... Vocês são safados, estão me roubando", registrou o árbitro.


 


Leia mais sobre:

> Você tem mais informações? Envie para Minha Notícia, o site de jornalismo colaborativo do iG


Topo
Contador de notícias