iG - Internet Group

iBest

brTurbo

 

Futebol

31/08 - 12:12

CBF diz que Fifa avaliará estádio corintiano e apontará o que precisa ser feito
Cidade de São Paulo tinha indicado o Morumbi para receber os jogos da Copa, mas projeto foi vetado pela Fifa. CBF e governo paulista apontaram projeto corintiano como candidato único a receber jogos da Copa do Mundo de 2014 em São Paulo

Agência Estado

O projeto do estádio do Corinthians que será construído no distrito de Itaquera poderá sofrer alterações para ser o local a receber as partidas da Copa do Mundo de 2014 em São Paulo, como já foi adiantado pelo próprio presidente Andrés Sanchez. Rodrigo Paiva, diretor de comunicações da CBF, explicou que a Fifa ainda não analisou o projeto e avisou que mudanças podem ser feitas para que o estádio receba o Mundial e a abertura do torneio.

"O projeto ainda não foi aprovado, o trâmite será o mesmo dos outros estádios. O governo de São Paulo buscou o seu estádio e a indicação aconteceu. O projeto será enviado à Fifa, eles vão analisar e decidirão se há necessidade de adequação e novas garantias financeiras", disse Paiva, em entrevista ao SporTV.

Inicialmente, a cidade de São Paulo tinha indicado o Morumbi para receber os jogos do Mundial, mas o projeto foi vetado pela Fifa. Assim, o Corinthians viabilizou o seu estádio em um projeto que prevê a sua construção para 48 mil pessoas em um terreno do próprio clube em Itaquera, ao custo de R$ 350 milhões.

Como a Fifa exige uma capacidade maior para o jogo de abertura da Copa, já existe um plano de ampliação. Não está descartada a utilização de arquibancada móvel, mas a Fifa precisa autorizar. Para ampliar para mais 15 mil lugares a diretoria do Corinthians estima que serão gastos mais R$ 170 milhões. 


Leia mais sobre: Corinthians CBF estádio

> Você tem mais informações? Envie para Minha Notícia, o site de jornalismo colaborativo do iG


Divulgação

estadio corinthians maquete

"Fielzão"
Imagem do estádio do Corinthians que será construído pela construtora Odebrecht

Topo
Contador de notícias