iG - Internet Group

iBest

brTurbo

 

Futebol

24/08 - 22:44

Grêmio e Santos reeditam um dos jogos mais empolgantes do ano

Rivais nas semifinais da Copa do Brasil voltam a se encontrar nesta quarta-feira, agora pelo Brasileirão

Gazeta Esportiva

Depois de dois duelos empolgantes pelas semifinais da Copa do Brasil, ocorridos em maio, Grêmio e Santos voltam a se encontrar, agora pelo Brasileirão. O jogo desta quarta, às 22h, no Estádio Olímpico, reeditará uma das melhores partidas do ano no futebol brasileiro. Na oportunidade, o tricolor levava 2 a 0 em casa, mas virou o jogo no segundo tempo e saiu com um 4 a 3. Na Vila Belmiro, porém, um 3 a 1 deu ao Santos a vaga na final.

Entretanto, as duas equipes já não vivem aquele momento empolgante do primeiro semestre. Especialmente o Grêmio, que degringolou justamente a partir da eliminação para os santistas na Copa do Brasil. O momento no Olímpico é de crise com a posição atual do time na tabela (17º lugar, na zona de rebaixamento) e descrença no potencial de um grupo de jogadores festejado há poucos meses como um dos melhores do país.

Após a derrota de 2 a 1 para o Ceará, onde o time teve péssima atuação, o técnico Renato Gaúcho deve mudar radicalmente a estrutura tática da equipe para evitar novo tropeço. Há grande preocupação com o momento defensivo do Grêmio, sentimento que se potencializa com a reconhecida qualidade do ataque do Santos, um dos três times a fazer três gols dentro do Olímpico desde o fim de 2007.

Renato faz grande mistério quanto à escalação do time. O Grêmio treinou em dois esquemas na tarde desta terça-feira: primeiro, num 3-5-2, com apenas um volante. Depois, num 4-4-2, com a entrada de Fábio Rochemback e do estreante Vilson nos lugares de Neuton e Ozeia. O certo é que o centroavante Borges está retornando ao time titular, e o sistema 3-6-1 deve ser abandonado.

O volante Ferdinando, com dores, não deve atuar. Adilson também estará fora. Quem pode retornar é Leandro, que foi testado no final do treinamento como meia, passando Souza para a lateral direita. Entretanto, esta alternativa só deve ser utilizada no decorrer da partida, em caso de necessidade. Lúcio, que já tem condições de jogo após uma grave lesão no joelho em fevereiro, também deve aguardar chance no banco de reservas.

Do outro lado do confronto, campeão paulista e da Copa do Brasil, o Santos tenta embalar de vez no Campeonato Brasileiro, para buscar mais este título e completar, assim, a Tríplice Coroa. Assim, como o time ainda está distante do líder Fluminense, uma vitória sobre o Grêmio pode ser fundamental para as aspirações do Peixe no Brasileirão.

Atualmente, os santistas ocupam a sexta posição na tabela de classificação, com 21 pontos ganhos, exatamente 12 atrás do primeiro colocado. Porém, vale destacar que o Alvinegro Praiano tem um jogo a menos que a maioria de seus adversários - o confronto com o Internacional foi remarcado para o dia 13 de outubro, na Vila Belmiro.

O técnico Dorival Júnior terá apenas um desfalque para essa partida. O lateral esquerdo Léo sentiu um desconforto muscular na coxa esquerda e foi vetado pelo departamento médico do clube. Em seu lugar, o jovem Alex Sandro terá uma nova oportunidade e irá encarar os gremistas.

Com apenas uma baixa e com a volta de quatro jogadores (Edu Dracena, Rodriguinho, Marquinhos e Zé Eduardo), que estavam suspensos, o treinador procurou esconder a escalação. No entanto, Dorival deverá manter a equipe no 4-4-2.

Na zaga, Dracena irá voltar, sem contestação. O volante Rodriguinho deverá ficar como opção no banco de reservas, bem como Marquinhos, já que Zezinho agradou o comandante na vitória sobre o Atlético-MG, no último domingo, na Vila. Zé Eduardo deve receber uma nova chance no ataque, formando dupla ofensiva ao lado de Neymar. Os centroavantes Marcel e Keirrison devem ficar na reserva.

Confiante em um bom resultado jogando em Porto Alegre (RS), Dorival Júnior sabe que um triunfo sobre o Grêmio pode dar mais força para que o Santos continue sonhando com o título brasileiro.

"O Santos tem capacidade para estar brigando pelas primeiras colocações. Claro que tivemos muitas dificuldades ao longo do primeiro turno, pois estávamos jogando duas competições paralelas, bem difíceis, e o foco estava nas finais da Copa do Brasil. Deixamos alguns pontos para trás, mas não podemos ficar nos lamentando. Seguimos à risca o nosso planejamento, mesmo sabendo que as dificuldades iriam aumentar a partir de agora. Vamos enfrentar uma grande equipe, que merece todo o nosso respeito", comentou.

FICHA TÉCNICA
GRÊMIO X SANTOS


Local: Estádio Olímpico, em Porto Alegre (RS)
Data: 25 de agosto de 2010
Horário: 22h (de Brasília)
Árbitro: Marcelo de Lima Henrique (Fifa-RJ)
Assistentes: Hilton Moutinho Rodrigues (Fifa-RJ) e Ricardo de Almeida (RJ)

SANTOS: Rafael; Pará, Edu Dracena, Durval e Alex Sandro; Arouca, Danilo, Zezinho (Marquinhos) e Paulo Henrique Ganso; Neymar e Zé Eduardo (Marcel)
Técnico: Dorival Júnior

GRÊMIO: Victor; Edilson, Vilson, Rafael Marques e Fábio Santos; Willian Magrão, Fábio Rochemback, Souza e Douglas; Jonas e Borges
Técnico: Renato Gaúcho


Leia mais sobre:

> Você tem mais informações? Envie para Minha Notícia, o site de jornalismo colaborativo do iG


Topo
Contador de notícias