iG - Internet Group

iBest

brTurbo

 

Futebol

29/07 - 01:02

Dorival defende Neymar: "Se a bola entrasse, diriam que o gol era maravilhoso"

Atacante errou cavadinha e perdeu pênalti na partida contra o Vitória, mas Santos venceu por 2 a 0 e levou boa vantagem para Salvador na final da Copa do Brasil

Paulo Passos, enviado iG em Santos

O erro de Neymar na cobrança de pênalti contra o Vitória não preocupa o treinador santista. Dorival Júnior afirmou após a partida que não irá conversar com o atacante sobre a tentativa mal sucedida de cavadinha no lance defendido por Lee. Segundo ele, é preciso respeitar o jeito de cobrar do jovem jogador.

Assista ao vídeo

“Não é para chamar a atenção, não. Ele treina dessa maneira e vai continuar sendo o cobrador do time. Só erra quem bate”, afirmou o técnico. “Se a bola tivesse entrado, todo mundo diria que era irreverência. Como não foi gol, é irresponsabilidade. Nem uma coisa, nem outra”, completou Dorival Júnior.

Na saída do gramado, Lee criticou o atacante santista. “Eu sabia que ele ia fazer isso, aí esperei. Ele sempre tem alguma graça ou brincadeira. É bom eu pegar esse lance para ver se ele aprende”, afirmou o goleiro do Vitória.

Questionado sobre a declaração de Lee, Dorival Júnior discordou. “Primeiro, não é uma brincadeira. Ele é desse jeito. Vai bater se tiver outro pênalti”, disse o técnico.

Apesar do erro de Neymar, o Santos venceu por 2 a 0, com um gol do atacante ainda no primeiro tempo. Com o resultado, a equipe pode até perder por 1 a 0 que leva o título. O jogo de volta acontece na próxima quarta-feira, 4 de agosto, no estádio Manuel Barradas, em Salvador.


Leia mais sobre:

> Você tem mais informações? Envie para Minha Notícia, o site de jornalismo colaborativo do iG


AE

Neymar, que abriu o placar para o Santos e depois perdeu um pênalti, comemora o gol marcado por M...

Neymar
Atacante ganhou o apoio do treinador, que não aceita o rótulo de "irresponsável" para o atleta

Topo
Contador de notícias