iG - Internet Group

iBest

brTurbo

 

Futebol

09/05 - 16:33

Clausura tem novo líder, e decisão é adiada na Argentina

Estudiantes empata com o Rosario e a vantagem passa a ser do Argentinos Juniors, que venceu o Independiente

Luciana Zambuzi, especial para o iG

A definição do Campeonato Argentino ficará mesmo para a última rodada. Com um ponto a mais na tabela, o Estudiantes recebeu o Rosario Central, em Quilmes, e empatou em 0 a 0. Já o Argentinos Juniors venceu o Independiente e agora tem um ponto a mais que o time de La Plata.

Mesmo com o time na disputa da Libertadores, o técnico Sabella escalou força máxima para a partida. No início do jogo, o Estudiantes impôs sua superioridade tanto nas chances criadas como na posse de bola. O cenário mudou com a expulsão de Sebastián Verón, aos 31 minutos do primeiro tempo, após o meia agredir Jorge Rivero. O cartão vermelho tirou o meia da decisão do Clausura, quando o Estudiantes receberá o Colón, em Santa Fé.

Com um a menos, o time passou a ter dificuldade diante do frágil Rosario Central, que lutava para livrar-se da partida de repescagem contra o rebaixamento. O empate não serviu para o time definir sua permanência na primeira divisão, e disputará agora a “Promocion”.

Sem conseguir vencer, a torcida do Estudiantes deixou o estádio lamentando o empate e, principalmente, a chance desperdiçada de sagrar-se campeão do Clausura. Com 37 pontos, um a menos que o Argentinos Juniors, a vantagem agora é do time de La Paternal.

Partida com muitas emoções
O Argentinos Juniors precisava vencer e contar com um tropeço do Estudiantes para manter-se na briga pelo título. A tarefa que parecia impossível tornou-se realidade. A equipe venceu por 4 a 3 e viu o Estudiantes empatar sem gols com o quase rebaixado Rosário Central.

O time de La Paternal abriu o placar aos 26 minutos com o atacante Pavlovich. Mas o Independiente, que em boa parte do torneio sonhou com o título e ainda conservava chances matemáticas, igualou o placar com o gol olímpico de Nuñes, que não comemorou em respeito ao ex-time.

A virada veio nos primeiros minutos do segundo tempo com o gol de Gandín. O meia Nuñes, ampliou a vantagem e mais uma vez ficou em silêncio. Pavlovich também marcou seu segundo gol e diminuiu para 3 a 2. A partir daí, a pressão foi toda do Argentinos Juniors que fez dois gols nos últimos cinco minutos de jogo. Sabiá e Caruzzo devolveram o sonho do título aos bichitos.

Na platéia do estádio que leva seu nome, o técnico Diego Maradona acompanhou o jogo ao lado de Alejandro Mancuso e de seu pai Lalo Maradona.

Ainda pela 18ª rodada do Clausura, seis equipes estarão em campo. O Banfield  recebe o Tigre. O Boca Juniors receberá o Huracan e o Atlético Tucumán despede-se da elite do futebol argentino contra o Arsenal de Sarandí.


Leia mais sobre:

> Você tem mais informações? Envie para Minha Notícia, o site de jornalismo colaborativo do iG


AP

Veron

Verón
Capitão e principal jogador do Estudiantes foi expulso contra o Rosário Central

Topo
Contador de notícias