iG - Internet Group

iBest

brTurbo

 

Futebol

04/03 - 22:31

Diego Souza descarta seguir Love e deixar o Palmeiras

Atacante foi hostilizado pelos torcedores e quis ir para o Flamengo; meia vem sendo muito criticado, mas se diz profissional e disposto a continuar

Gazeta Esportiva

Vágner Love e Diego Souza terminaram 2009 como os vilões do Palmeiras. Chamados de "baladeiro" e "pipoqueiro", respectivamente, foram apontados como responsáveis pela perda do título brasileiro. O atacante deixou o Palestra Itália após ser agredido por torcedores no estacionamento de uma agência bancária. Apesar da má fase vivida, o meia descarta seguir o mesmo caminho. Por enquanto.

"Temos um grupo qualificado e que vai dar a volta por cima. Sem dúvidas, vamos conseguir títulos aqui, porque é importante. A torcida vaia, mas eu nunca pensei em sair do clube. Sempre fiz as minhas coisas da melhor maneira possível e não vai ser hoje que vou mudar", contou Diego Souza, que nesta quinta-feira se defendeu dos ataques recebidos por conta da expulsão na derrota contra o Santo André.

Por enquanto, o jogador não se mostra apreensivo com a possibilidade de ser cobrado por torcedores em situações fora do futebol. "Minha rotina sempre foi a mesma. Nunca fui de ir em balada, de sair por São Paulo. Só saio muito para jantar", contou o meio-campista. Apesar do baixo rendimento neste início de temporada, o camisa 7 acredita que as críticas não ultrapassarão os limites do esporte.

"Sempre fui muito profissional e vou continuar sendo. Então, não tem porque acontecer algo e eu deixar o Palmeiras", disse o jogador, que só não vai admitir o temor que o ex-companheiro Vagner Love adquiriu depois de ser agredido por membros de uma das organizadas do Verdão, quando deixava uma agência bancária na capital paulista. Viver com medo no Palmeiras não vai ser tolerado pelo atleta.

"No dia em que eu tiver medo de sair de casa por algumas coisas, então vai ser o caso de não permanecer mais no clube. O Love se sentiu rendido, desvalorizado e com medo de algumas situações, e acabou indo embora. Quando chegar esse momento, por uma coisa dessas, aí vai não vou mais permanecer aqui", complementou um dos mais criticados atletas do elenco dirigido por Antônio Carlos Zago.


Leia mais sobre:

> Você tem mais informações? Envie para Minha Notícia, o site de jornalismo colaborativo do iG


Gazeta Press

Treino do Palmeiras

Diego Souza
Jogador retrucou apelido de "baladeiro", dizendo que sai bastante apenas para jantar

Topo
Contador de notícias