iG - Internet Group

iBest

brTurbo

 

Futebol

28/02 - 21:36

Palmeiras perde a primeira com novo técnico: 1 a 0 Rio Claro

Gol da vitória na partida, marcada pela péssima situação do gramado, foi marcado por Osny

Gazeta Esportiva

Alvo de elogios por vitórias contra São Paulo e Flamengo-PI, Antônio Carlos perdeu a invencibilidade no comando do Palmeiras. Na noite deste domingo, em um jogo que mais parecia pólo aquático, o Verdão encontrou dificuldades com o gramado pesado do estádio Augusto Schimidt Filho e acabou derrotado pelo Rio Claro por 1 a 0

O tropeço alviverde saiu em uma falha infantil do volante Souza, uma das novidades na escalação deste domingo, já que os titulares Pierre e Márcio Araújo eram desfalques. No fim do primeiro tempo, o camisa 21 errou ao dar um bote na entrada da área e permitiu Osny invadir a área para fuzilar o goleiro Marcos.

Para piorar, o Palmeiras segue em situação incômoda na classificação do Campeonato Paulista. Dono de 16 pontos, o irregular Verdão (oitavo colocado) está quatro atrás do São Paulo, primeiro integrante do G-4.

Ao Rio Claro, o êxito é motivo de alívio. Depois de carregar a lanterna no início do domingo, a equipe do interior paulista soma dez pontos e sai da zona de rebaixamento.

Na próxima rodada, o Palmeiras terá pela frente uma pedreira: o Santo André, revelação do Paulistão, quarta-feira, às 21h50, no estádio do Palestra Itália. No mesmo dia, o Rio Claro estará na capital paulista para medir forças com a Portuguesa, às 19h30.

Assista ao gol do jogo

O jogo - veja como foi a partida no lance a lance do Placar iG 

Na base do abafa, o Rio Claro tentou assustar o Palmeiras nos instantes iniciais. Limitado tecnicamente, o time do interior insistia em "chuveirinhos" pouco efetivos. Concentrado na marcação, o Verdão se mostrou mais objetivo em sua primeira chegada. Aos cinco minutos, Robert invadiu a área pela direita e arrematou com grande perigo.

Só que o Rio Claro esbanjava raça e determinação em campo. Aos dez minutos, em mais uma jogada aérea do time do interior, o goleiro Marcos operou um verdadeiro milagre na cabeçada de Osny.

Por enfrentar um adversário com três zagueiros e um gramado castigado, o Palmeiras percebeu que as pontas seriam o caminho ideal no ataque. Aos 25 minutos, o cruzamento de Wendel encontrou Robert dentro da área. Com grande elasticidade, o goleiro Sidney desviou a cabeçada do camisa 20.

Quatro minutos depois, o Palmeiras criou sua melhor situação, em um chute potente de Souza de fora da área. A bola explodiu no travessão e sobrou para Cleiton Xavier, que, desequilibrado, errou o alvo.

Mas a afobação de Souza foi decisiva para o Palmeiras ir ao vestiário em desvantagem. Aos 34 minutos, o volante errou ao dar o bote na entrada da área e permitiu Osny invadir a área para estufar as redes de Marcos.

Para o segundo tempo, Antônio Carlos cobrou mais atenção, mas o Palmeiras voltou completamente sem concentração na defesa. No primeiro lance, quase Danilo fez contra de cabeça. Marcos evitou o pior. Em seguida, Edinho deu um presente para Henrique, que mandou uma bomba no travessão.

Na frente, o Palmeiras também se mostrava pouco inspirado. Aos cinco minutos, a zaga do Rio Claro deu uma força, mas Lenny errou o alvo dentro da área para desespero dos torcedores.

Em busca de um novo panorama, Antônio Carlos apostou em duas substituições, com Marquinhos e Ivo nos lugares de Lenny e Souza. O Rio Claro respondeu com uma mudança defensiva: Neno na vaga de Diego Perini. A ordem era segurar o placar sem economizar energias.

Contudo, até o fim do jogo, não houve mais futebol. Com o campo completamente encharcado, o Palmeiras insistiu em levantamentos para a área, mas só conseguiu uma cabeçada perigosa, bem defendida por Sidney. Até o goleiro Marcos tentou ajudar na frente e fracassou.

FICHA TÉCNICA: RIO CLARO 1 x 0 PALMEIRAS

Local:
Estádio Augusto Schimidt Filho, em Rio Claro (SP)
Data: 28/02/2010 (domingo)
Horário: 19h30 (de Brasília)
Árbitro: Rodrigo Guarizo Ferreira do Amaral
Assistentes: Daniel Luis Marques e Hilton Francisco de Melo
Renda: R$ 187.380,00
Público: 5.307 pagantes
Cartões amarelos: Walker e Diego Perini (Rio Claro); William, Léo e Eduardo (Palmeiras)
Gols:
RIO CLARO: Osny, aos 34 minutos do primeiro tempo.

RIO CLARO: Sidney; Luciano, Odair, William; Murilo, Walker, Henrique (David), Diego Perini (Neno) e Danilo Avelar; Osny e Jackson (Edu Sales)
Técnico: Agnaldo Liz

PALMEIRAS: Marcos; Wendel (William), Léo, Danilo e Eduardo; Edinho, Souza (Ivo), Cleiton Xavier e Diego Souza; Lenny (Marquinhos) e Robert
Técnico: Antônio Carlos.


Leia mais sobre: Palmeiras Campeonato Paulista Rio Claro

> Você tem mais informações? Envie para Minha Notícia, o site de jornalismo colaborativo do iG


AE

edinho do palmeiras carrega a bola

Edinho
Volante carrega a bola com dificuldades, brigando com a marcação e com o gramado encharcado

Topo
Contador de notícias