iG - Internet Group

iBest

brTurbo

 

Futebol

06/12 - 18:58

De virada, Flamengo vence o Grêmio no Maracanã e conquista hexacampeonato brasileiro
Cariocas saem atrás, conseguem virada com dois gols de zagueiros e consolidam, com o título nacional, incrível recuperação iniciada sob o comando do técnico Andrade

Gian Oddi e Paulo Tescarolo, iG São Paulo


RIO DE JANEIRO – Em um Campeonato Brasileiro marcado por surpresas e reviravoltas, a última rodada do torneio de 2009 não fugiu à regra: numa das decisões mais emocionantes da história do Brasileirão, o Flamengo sagrou-se campeão ao vencer o Grêmio de virada, por 2 a 1, no Maracanã. É o sexto título brasileiro do clube mais popular do país — campeão também em 1980, 82, 83, 87 (título da Copa União) e 1992.

Nos últimos 90 minutos dos mais de 3420 jogados pelo time carioca durante toda a competição, o Flamengo superou os gaúchos com gols dos zagueiros David e Ronaldo Angelim, depois de Róberson ter aberto o placar para o Grêmio. O empate, que persistiu até os 25 minutos do segundo tempo, dava o título ao Internacional, arquirrival do Grêmio, que venceu o Santo André por 4 a 1 e ficou com o vice. São Paulo e Palmeiras também iniciaram a rodada com chances de título.

Assista aos gols abaixo (clique aqui e veja os melhores lances)

A conquista rubro-negra consolida uma impressionante recuperação do time carioca na competição — a equipe era apenas a 10ª colocada ao fim do primeiro turno — e consagra o técnico Andrade, que assumiu o comando do time no 11º lugar e agora conquista seu primeiro título como treinador. Adriano, outro dos grandes heróis do título ao lado de Petkovic, não marcou, mas terminou o torneio na artilharia da competição, com 19 gols, assim como Diego Tardelli.

O jogo (veja como foi o jogo, lance a lance, no Placar iG)
O Grêmio começou o jogo com tudo, marcando em cima e tentando explorar a velocidade de seus jogadores no ataque. Diante de um Flamengo tenso e perdido em campo, a torcida rubro-negra começou a perceber que o título não viria com a facilidade imaginada.

O Fla só chegou à área gremista pela primeira vez aos 12 minutos. Aírton fez lançamento longo para Adriano, que demorou para concluir e deu tempo para Thiego afastar.

O domínio tricolor foi se consolidando, e aos 21 minutos saiu o gol gremista. Após escanteio cobrado por Douglas Costa, Roberson apareceu bem no primeiro pau, desviou de leve e tirou o goleiro Bruno da jogada.

O gol inverteu as posições, e o Flamengo passou a atacar daí em diante. Não demorou para empatar o jogo, aos 29 minutos. Após cruzamento na área, Adriano se engalfinhou com o zagueiro Léo e a bola sobrou limpa na área. David bateu forte e empatou a partida.

Vipcomm
O campeão brasileiro posa para foto antes da decisão contra o Grêmio, neste domingo

No último lance de perigo no primeiro tempo, o Flamengo quase virou. Adriano mandou direto para o gol uma falta cobrada da ponta direita, e Marcelo Grohe espalmou. Assim, o Flamengo foi para os vestiários sem o título.

O Grêmio começou o jogo com tudo, marcando em cima e tentando explorar a velocidade de seus jogadores no ataque. Diante de um Flamengo tenso e perdido em campo, a torcida rubro-negra começou a perceber que o título não viria com a facilidade imaginada.

O Fla só chegou à área gremista pela primeira vez aos 12 minutos. Aírton fez lançamento longo para Adriano, que demorou para concluir e deu tempo para Thiego afastar.

Vipcomm
David comemora o primeiro gol do Flamengo na partida contra o Grêmio

O domínio tricolor foi se consolidando, e aos 21 minutos saiu o gol gremista. Após escanteio cobrado por Douglas Costa, Roberson apareceu bem no primeiro pau, desviou de leve e tirou o goleiro Bruno da jogada.

O gol inverteu as posições, e o Flamengo passou a atacar daí em diante. Não demorou para empatar o jogo, aos 29 minutos. Após cruzamento na área, Adriano se engalfinhou com o zagueiro Léo e a bola sobrou limpa na área. David bateu forte e empatou a partida.

No último lance de perigo no primeiro tempo, o Flamengo quase virou. Adriano mandou direto para o gol uma falta cobrada da ponta direita, e Marcelo Grohe espalmou. Assim, o Flamengo foi para os vestiários sem o título.

Vipcomm
Ronaldo Angelim festeja o gol da virada e do título brasileiro do Flamengo

FICHA TÉCNICA - FLAMENGO 2 X 1 GRÊMIO

FLAMENGO: Bruno, Leonardo Moura, David, Ronaldo Angelim e Juan; Aírton, Toró (Éverton), Willians e Petkovic (Fierro); Zé Roberto (Kléberson) e Adriano.
Técnico: Andrade

GRÊMIO: Marcelo Grohe; Mário Fernandes, Léo, Thiego e Fábio Santos; Adilson (Mithyuê), Túlio, Maylson e Lúcio; Douglas Costa e Roberson (Bérgson).
Técnico: Marcelo Rospide

Local: Maracanã, no Rio de Janeiro (RJ)
Data: 6 de dezembro de 2009 (Domingo)
Horário: 17 horas (de Brasília)
Árbitro: Heber Roberto Lopes (Fifa-PR)
Assistentes: Alessandro Rocha (Fifa-BA) e Carlos Berkenbrock (Fifa-SC)
Cartões amarelos: David, Willians (Flamengo); Marcelo Grohe, Douglas Costa, Lúcio, Adilson (Grêmio)
Gols: Roberson, 21 minutos, e David, 29 mintuos do primeiro tempo; Ronaldo Angelim, 24 minutos do segundo tempo

Leia também:


Leia mais sobre: Flamengo Campeonato Brasileiro

> Você tem mais informações? Envie para Minha Notícia, o site de jornalismo colaborativo do iG


AP

adriano trofeu flamengo

Flamengo campeão
Sem a taça oficial, que será entregue na segunda-feira, Fla ganhou um troféu simbólico do hexa

Topo
Contador de notícias