iG - Internet Group

iBest

brTurbo

 

Futebol

26/08 - 23:01

Em jogo emocionante, Santos e Inter empatam na Vila Belmiro
Em partida adiada pela 16° rodada da competição, Peixe e Colorado se alternaram na frente do placar, mas, no final, acabaram empatando em 3 a 3

Redação iG Esporte e Gazeta Esportiva

SANTOS - Santos e Internacional fizeram, na noite desta quarta-feira, um dos melhores jogos do Campeonato Brasileiro. Em partida adiada pela 16° rodada da competição, Peixe e Colorado se alternaram na frente do placar, mas, no final, acabaram empatando em 3 a 3.

Este resultado, apesar de não ser o desejado pelos alvinegros, acabou garantindo aos donos da casa uma pequena subida na tabela de classificação. Com o empate, o Santos chega à 10° posição, com 29 pontos. O Inter também subiu um degrau e agora voltou ao G-4 do Brasileirão, com 34 pontos ganhos, com uma vitória a mais que o Avaí.

Na próxima rodada, os dois times voltam a campo no domingo. Às 16 horas (horário de Brasília), os santistas recebem o Fluminense, na Vila Belmiro. Pouco depois, às 18h30, os gaúchos também jogam em casa, no Beira-Rio, contra o Goiás.

Veja os gols de Santos 3 x 3 Internacional

O jogo - veja como foi a partida no lance a lance do Placar iG
O Inter começou o jogo melhor e logo aos três minutos, criou a sua primeira chance de gol. O atacante Taison recebeu e deu uma enfiada de bola precisa para Andrezinho, nas costas de George Lucas. O meia colorado invadiu a área e bateu cruzado, para grande defesa de Felipe, que evitou o primeiro gol dos visitantes.

Depois de sofrer com algumas descidas de ataque perigosas, o Peixe respondeu com propriedade e em dose dupla. Aos 13, a zaga santista rebateu a bola para frente, o zagueiro Bolívar cortou mal e o meia Madson, esperto, colocou a bola na frente e finalizou com força, sem chances para Lauro: 1 a 0 para o Alvinegro Praiano.

Logo em seguida, aos 15, Madson começou a jogada, George Lucas cruzou da direita, a defesa gaúcha afastou parcialmente e Kléber Pereira deixou a sua marca. O atacante pegou o rebote e com frieza, driblou o seu marcador e venceu o goleiro Lauro, com uma bomba de perna esquerda.

Por Milton Trajano

Embalado, os donos da casa quase liquidaram o confronto. Aos 18, Madson recebeu um bom passe e cara à cara com Lauro, tentou encobrir o arqueiro colorado. Atento, Lauro conseguiu desviar a bola, evitando assim o terceiro gol do Santos.

Reação Gaúcha - Mas o Inter não se intimidou e depois de alguns minutos de instabilidade, por conta dos dois gols em um curto espaço de tempo, mostrou que estava vivo na partida. E aos 24, descontou com Alecsandro. O centroavante completou um cruzamento de Taison e empurrou a bola para o fundo das redes.

O primeiro gol animou o Colorado, que seguiu no ataque e logo chegou ao empate. Com 26, o lateral Kléber bateu falta com precisão na cabeça de Alecsandro, que não desperdiçou a oportunidade, se antecipando ao goleiro Felipe e deixando tudo igual no marcador.

Depois de obter o empate, os gaúchos passaram a se expor menos no ataque, porém, não deixaram de atacar. Só que as melhores chances antes do intervalo foram do Santos. Aos 39, o meia Paulo Henrique Lima quase marcou o terceiro gol santista. Ganso ajeitou a bola e na passada, arriscou de perna esquerda. A bola passou rente ao travessão, assustando Lauro.

No minuto seguinte, Léo fez boa jogada individual e cruzou na medida para Kléber Pereira. O camisa 9 venceu a disputa com a zaga do Internacional e tocou de cabeça para o gol. Bem posicionado, Lauro fez uma difícil defesa, evitando assim o terceiro gol do time da Vila.

Na volta para o segundo tempo, o Internacional mostrou a sua força e chegou a virada, logo aos cinco minutos. No começo da jogada, o ala direito colorado Daniel dividiu com o volante santista Germano (substituto de Rodrigo Mancha), que ficou no chão, sentindo dores. Os gaúchos cobraram o lateral e, em rápido contra-ataque, Andrezinho serviu Alecsandro.

Com tranquilidade, o atacante do Inter dominou e apenas deslocou Felipe, que nada pôde fazer para evitar o terceiro gol dos visitantes. Este foi o décimo gol de Alecsandro, um dos artilheiros do Campeonato Brasileiro, ao lado de Adriano (Flamengo), Gilmar (Náutico) e Val Baiano (Barueri).

Empate e expulsão - Aos 13, o Alvinegro Praiano deu o troco e deixou tudo igual no placar da Vila Belmiro novamente. George Lucas fez cruzamento perfeito na cabeça de Kléber Pereira. O camisa 9 se antecipou ao zagueiro adversário e de 'peixinho', encobriu o goleiro Lauro, marcando o terceiro gol de sua equipe e o seu nono gol no Brasileirão.

Com a disputa pela vitória muito acirrada, os ânimos também acabaram exaltados. Aos 31, o zagueiro Sorondo e o atacante Kléber Pereira se estranharam na grande área, antes de uma cobrança de falta e acabaram sendo expulsos pelo árbitro carioca Luiz Antônio Silva dos Santos.

Com o final do jogo se aproximando, a diferença de propostas dos dois times ficou clara. Enquanto o técnico do Inter, Tite, sacou o meia Giuliano para a entrada do zagueiro Danny Morais, recompondo o seu sistema defensivo, o santista Vanderlei Luxemburgo lançou sua equipe ao ataque, com a entrada do jovem avante André no lugar do volante Rodrigo Souto.

O Santos ainda buscou a vitória, em duas boas chances. Aos 42, Ganso demorou para finalizar e a zaga colorada evitou o gol. Na sequência, no escanteio, Fabão tocou de cabeça, com muito perigo, ao lado do gol de Lauro. Mas ambos não conseguiram aproveitar as oportunidades que tiveram e o duelo, que ainda teve a expulsão do lateral direito do Internacional, Daniel, nos acréscimos, acabou mesmo empatado até o apito final do juiz na Vila Belmiro.

FICHA TÉCNICA: SANTOS 3 X 3 INTERNACIONAL

Local:
Estádio Vila Belmiro, em Santos (SP)
Data: 26 de agosto de 2009, quarta-feira
Árbitro: Luiz Antônio Silva dos Santos (RJ)
Assistentes: Marco Aurélio dos Santos Pessanha e Wagner de Almeida Santos (ambos do RJ)
Renda: R$ 118.740,00
Público: 7.856 pagantes
Cartões amarelos: Rodrigo Mancha, Fabão e George Lucas (Santos); Sandro, Guiñazu, Daniel e Marcelo Cordeiro (Internacional)
Cartão vermelho: Kléber Pereira (Santos) e Sorondo (Internacional)

Gols: SANTOS: Madson, aos 13 minutos do primeiro tempo; Kléber Pereira, aos 15 minutos do primeiro e aos 13 do segundo tempo
INTERNACIONAL: Alecsandro, aos 24 e 26 minutos do primeiro tempo e aos 5 minutos do segundo tempo

SANTOS: Felipe; George Lucas, Fabão, Eli Sabiá e Léo; Rodrigo Mancha (Germano), Rodrigo Souto (André), Róbson (Neymar) e Paulo Henrique Lima; Madson e Kléber Pereira
Técnico: Vanderlei Luxemburgo

INTERNACIONAL: Lauro; Daniel, Bolívar, Sorondo e Kléber; Guiñazu, Sandro, Giuliano (Danny Morais) e Andrezinho (Marcelo Cordeiro); Taison e Alecsandro (Magrão)
Técnico: Tite


Leia mais sobre:

> Você tem mais informações? Envie para Minha Notícia, o site de jornalismo colaborativo do iG


Gazeta Press

alecsandro marca três contra o santos

Alecsandro
Atacante marcou três gols para virar a partida, que terminou empatada, para o Inter contra Santos

Topo
Contador de notícias