iG - Internet Group

iBest

brTurbo

 

Futebol

22/06/2009 - 15:33

Ponte reclama de pênalti não marcado no dérbi campineiro
O vice-presidente da Macaca, Sebastião Arcanjo, acredita que o lance poderia ter mudado o resultado da partida

Gazeta Esportiva

CAMPINAS - A diretoria da Ponte Preta ainda não digeriu a derrota para o Guarani, no último sábado. O clube reclama de um suposto pênalti do goleiro Douglas sobre o atacante Márcio Mexerica não foi assinalado pela arbitragem. Desse modo, os dirigentes apresentarão nesta segunda-feira à Confederação Brasileira de Futebol (CBF) uma representação pela atuação de Sálvio Spinola Fagundes Filho no dérbi campineiro.

O vice-presidente da Macaca, Sebastião Arcanjo, acredita que o lance poderia ter mudado o resultado da partida, mas adverte que o suposto pênalti não foi o único erro do árbitro no clássico. O cartola citou outros momentos de Sálvio Spinola, lembrando que o árbitro deixou de punir faltas violentas.

"Errar uma marcação de um pênalti, ainda mais em um dérbi, é um erro crucial. Assim como os jogadores respondem por seus erros, os árbitros também têm que ser corrigidos e a intenção desta representação é deixar claro que a Ponte foi vítima de um erro grosseiro e não admite falhas como as demonstradas no sábado", destacou Sebastião Arcanjo, em nota no site oficial do clube.

A derrota no Moisés Lucarelli fez com o que o Bugre se distanciasse ainda mais na liderança da Série B do Brasileiro. A Ponte ocupa a sexta posição, com 11 pontos, oito a menos que o rival campineiro.


Leia mais sobre:

> Você tem mais informações? Envie para Minha Notícia, o site de jornalismo colaborativo do iG


Topo
Contador de notícias