iG - Internet Group

iBest

brTurbo

 

Futebol

21/06/2009 - 22:15

Saída de Muricy esquenta os ânimos no Brasileirão
Direta ou indiretamente, demissão no São Paulo provoca bate-boca entre alguns dos principais técnicos do país

Redação iG Esporte

SÃO PAULO - A demissão de Muricy Ramalho no São Paulo esquentou os ânimos dos treinadores nacionais na sétima rodada do Brasileirão. Com declarações polêmicas e ataques pessoais, os técnicos de alguns dos principais times do país soltaram o verbo, sem se importar muito com a costumeira cautela diante dos microfones.

Veja a repercussão de algumas dessas declarações, influenciadas direta e indiretamente pela saída de Muricy, que era o treinador que estava a mais tempo à frente de uma equipe brasileira atualmente.


"Eu jamais teria esse tipo de atitude. Primeiro porque não é da minha índole, do meu caráter. E também porque estou no maior clube do Brasil, feliz por trabalhar aqui e certo de que a torcida vai nos apoiar na luta para retomarmos o caminho das vitórias",
  disse Cuca em resposta à acusação feita por Muricy Ramalho, de que ele teria ligado para a diretoria do São Paulo se oferecendo para treinar o clube.


"Ele não pode envolver e generalizar. Não me incluo. Vamos citar nomes. Estou colocando algo entre eu e ele. Gosto das coisas claras. Respondo a ele de uma forma direta. Entre eu e o Cuca é particular”,
disse Tite, após a goleada sofrida pelo Internacional por 4 a 0  para o Flamengo, irado com a generalização feita por Muricy na acusação à Cuca.


"Eu sou técnico, você é interino, não deve ficar aqui",
foi o que disse o treinador do Corinthians, Mano Menezes a Milton Cruz, quando, no intervalo do clássico entre Corinthians e São Paulo, os dois foram reclamar com a arbitragem.


"O que você ganhou? Eu sou campeão do mundo, tricampeão brasileiro”,
foi o que disse Cruz, em resposta a Mano.

Após bater boca com o comandante corinthiano, o interino ainda veio aos microfones da imprensa para se defender.


“Sou internino, mas sou profissional. Claro que me senti ofendido. Sou profissional há 15 anos e não tenho suspeita de p... nenhuma."


"Fiquei pasmo com essa troca do São Paulo, o Muricy é tricampeão brasileiro. O Luxemburgo também tem uma história bonita. Estão metralhando a gente. Está complicado
",
desabafou Vanderlei Luxemburgo, técnico do Palmeiras, inconformado com a demissão do comandante são-paulino, atual tricampeão brasileiro.


Leia mais sobre:

> Você tem mais informações? Envie para Minha Notícia, o site de jornalismo colaborativo do iG


Gazeta Press

muricy ramalho não é mais o treinador do são paulo

Muricy Ramalho
Saída do treinador do São Paulo foi o tema central da rodada do Campeonato Brasileiro

Topo
Contador de notícias