iG - Internet Group

iBest

brTurbo

 

Futebol

13/05/2009 - 17:23

Seleção sub-23 de judô embarca para disputar Sul-americano de seniores

Intuito é que os jovens atletas possam adquirir experiência em um torneio profissional internacional

Gazeta Esportiva

SÃO PAULO - O Brasil vai enviar apenas representantes com menos de 23 anos para disputar o Campeonato Sul-americano de Judô que será realizado em Quito, no Equador, nos próximos dias 16 e 17. O intuito é que os jovens atletas possam adquirir experiência em um torneio profissional internacional.

Apesar de ser uma prática comum desde 2006, o técnico Herique Guimarães admitiu que os lutadores mais novos tem desvantagem. "Competir num evento principal sem ser da categoria sênior não é fácil. Mas deixamos sempre os atletas muito tranquilos e não jogamos o peso da responsabilidade nas costas deles", comentou o treinador.

Um dos destaques do time que foi para Quito é a carioca Rafaela Lopes, que venceu o Campeonato Mundial Júnior em 2008. Ela revela que suas adversárias passaram a estudá-la com mais cuidado após a conquista da medalha.

"Antes eu chegava em uma competição e ninguém ligava para como eu lutava ou queria me vencer. Sei que na condição de medalhista mundial as coisas mudam e tenho trabalhado bastante, pois a responsabilidade aumentou", avaliou Rafaela.

O Brasil enviará representantes das 16 categorias do Sul-americano: super-ligeiro (Karla Souza e Ivan Sabino), ligeiro (Catiere Toledo e Phelippe Pelim), meio-leve (Raquel Lopes e Alex Pombo), leve (Rafaela Lopes e Felipe Braga), meio-médio (Mariana Silva e Nacif Elias), médio (Natália Bordignon e Felipe Camilo), meio-pesado (Glaucia Lima e Leandro Gonçalves) e pesado (Rochelle Nunes e Rafael Silva).


Leia mais sobre: judô

> Você tem mais informações? Envie para Minha Notícia, o site de jornalismo colaborativo do iG


Topo
Contador de notícias