iG - Internet Group

iBest

brTurbo

 

Futebol

20/04/2009 - 10:14

Ferguson destrata Ramón Calderón: "É um dinossauro enterrado"

"Tudo o que já foi dito a respeito do Cristiano Ronaldo foi criado por este homem", disse o treinador do Manchester

Gazeta Esportiva

MANCHESTER (Inglaterra) - O aparente sereno treinador Alex Ferguson perde a calma ultimamente apenas quando o assunto é a suposta transferência de Cristiano Ronaldo para o Real Madrid. Tamanha é a antipatia do técnico do Manchester United pelo clube merengue que, nesta segunda-feira, ele aproveitou até para disparar contra o ex-presidente Ramón Calderón.

"O Calderón é um dinossauro que foi enterrado", declarou Sir Ferguson, de 67 anos, que há 23 está no cargo de treinador do Manchester. "Tudo o que já foi dito a respeito do Cristiano Ronaldo foi criado por este homem. Ele quer é criar problemas para o seu sucessor", opinou.

Os cansativos boatos de que o camisa 7 português iria ao Real Madrid vêm tirando a paciência de Ferguson há pelo menos um ano e meio. Agora, Calderón despertou a ira do britânico mais uma vez depois de dizer a uma rádio francesa que Cristiano Ronaldo era "formalmente jogador do Real". No entanto, o escocês já havia adiantado que não venderia "nem um vírus" ao clube merengue.

"Esse assunto parece que não vai terminar nunca. Vai continuar, mas nós aqui em Manchester estamos muito satisfeitos com a situação do Cristiano. Até o empresário quer que ele fique por aqui em Manchester", concluiu o veterano.


Leia mais sobre: Manchester United Real Madrid Ramón Calderón Alex Ferguson Cristiano Ronaldo

> Você tem mais informações? Envie para Minha Notícia, o site de jornalismo colaborativo do iG


Reuters

Ramón Calderon

Ramón Calderón
Para Ferguson, boato da saída de Cristiano Ronaldo é culpa do dirigente do Real Madrid

Topo
Contador de notícias