iG - Internet Group

iBest

brTurbo

 

Futebol

05/03 - 19:20

Filho de Lula quer levar presidente ao vestiário do Palmeiras no clássico
"Se ele for para o jogo, com certeza vou puxá-lo pela orelha até o vestiário. Ele vai ter que desejar boa sorte para todo mundo", disse Lulinha

Gazeta Esportiva

SÃO PAULO - Caso o presidente da República Luis Inácio Lula da Silva consiga arranjar tempo para assistir ao clássico entre Palmeiras e Corinthians neste domingo, em Presidente Prudente, pelo Campeonato Paulista, passará nos vestiários alviverdes antes do jogo para desejar boa sorte, apesar de ser corintiano. Quem garante é seu filho Lulinha, auxiliar de preparação física da comissão técnica de Vanderlei Luxemburgo.

"Hoje em dia, é mais fácil a imprensa falar com meu pai do que eu, é complicado saber. Conversei com ele no final de semana e disse que não ia ter como ir ao jogo, mas parece que ele vai tentar. Agora, não sei", revelou Lulinha à Rádio Record, descrente na presença da figura paterna no norte do estado para acompanhar a partida.

"Se ele for para o jogo, com certeza vou puxá-lo pela orelha até o vestiário. Ele vai ter que desejar boa sorte para todo mundo", continuou o auxiliar técnico, que não escondeu o fato de ser coritiano por influência paterna. Ele jura, no entanto, que deixou de torcer quando decidiu trabalhar com futebol - Luis Cláudio Lula da Silva está terminando faculdade de educação física e deve ser formar no final do ano.

Sua permanência no mundo futebolístico promete ser muito longa, já que tem o sonho de se tornar treinador de futebol. Depois de um ano e quatro meses de estágio no São Paulo, chegou ao Palmeiras com convite do técnico Vanderlei Luxemburgo, a pessoa que o inspira a seguir a profissão e o ensina os macetes necessários.

"Sou auxiliar técnico, mas tento ajudar em todas as áreas. Eu tiro muito do trabalho no dia-a-dia, tenho o dom da observação, aprendo muito só olhando. E o pessoal lá brinca que o Vanderlei é o meu pai, porque toda hora vem tirar dúvida e eu também sempre estou perguntando para ele", disse Lulinha.

"Não tenho pressa para ser técnico", garantiu o auxiliar, que pretendo continuar por muito tempo sob o comando do atual tricampeão paulista: "pretendo ficar com o Vanderlei onde ele for. Gosto de trabalhar no Palmeiras, é um lugar muito bom, organizado, mas o futuro a gente não sabe".


Leia mais sobre: Lula Palmeiras

> Você tem mais informações? Envie para Minha Notícia, o site de jornalismo colaborativo do iG


AP

Em seminário voltado à discussão do desenvolvimento do País em tempos de crise, presidente Lula d...

Lula
Fã de futebol e torcedor do Corinthians, presidente pode marcar presença no clássico deste domingo

Topo
Contador de notícias