iG - Internet Group

iBest

brTurbo

 

Futebol

09/12 - 22:16, atualizada às 00:55 10/12

Hernanes fica com o Troféu Mesa Redonda de melhor jogador
São Paulo, com quatro jogadores, e Palmeiras, com três, dominaram a relação dos 11 craques do prêmio

Léo Morelli, repórter iG Esporte

SÃO PAULO - Em dois dias, Hernanes ganhou cinco troféus. Campeão brasileiro, o volante do São Paulo recebeu a Bola de Prata da revista Placar e os prêmios de melhor volante do Campeonato Brasileiro e de craque da competição, oferecidos pela Confederação Brasileira de Futebol (CBF), na segunda-feira. Nesta terça-feira, a TV Gazeta presenteou o jogador com os Troféus Mesa Redonda de destaque de sua posição e do Brasileirão.

“Tenho uma responsabilidade muito grande daqui para frente. Estou pronto para assumi-la e melhorar ainda mais dentro de campo”, discursou Hernanes, que fez questão de lembrar de suas origens pernambucanas durante todas as homenagens. Os prêmios desta segunda-feira foram entregues por César Sampaio e por Muricy Ramalho, eleito melhor técnico do Campeonato Brasileiro.

Hernanes abraçou demoradamente Muricy Ramalho, que o tornou definitivamente volante no São Paulo. “Antes, passei por várias posições. Nenhuma delas me serviu para nada. Devo muito ao professor Muricy”, agradeceu.

Outros três jogadores do São Paulo ganharam prêmios no Troféu Mesa Redonda: o zagueiro Miranda, o meia Jorge Wagner, que não compareceu à cerimônia, e o atacante Borges. Vencedor da Bola de Ouro, o goleiro Rogério Ceni não foi escolhido sequer como o melhor goleiro do Campeonato Brasileiro, assim como já havia acontecido na festa promovida pela CBF.

Desta vez, não foi Victor, do Grêmio, que superou Rogério Ceni. O palmeirense Marcos recebeu das mãos de sua mãe o Troféu Mesa Redonda. “Apesar de ser bom para caramba, quase não tenho esses prêmios. O Rogério leva tudo”, brincou o jogador, que dedicou o troféu ao pai, falecido recentemente.

Completaram a seleção do Campeonato Brasileiro da TV Gazeta os laterais Leonardo Moura (Flamengo) e Leandro (Palmeiras), o zagueiro Fábio Luciano (Flamengo), o volante Ramires (Cruzeiro), o meia Wagner (Cruzeiro) e o atacante Kléber (Palmeiras). Vice-campeão nacional, o Grêmio não teve nenhum jogador premiado.

O Corinthians, representado pelo presidente Andrés Sanchez, o árbitro Leandro Vuaden, a saltadora Maurren Maggi, a jogadora Marta e o centenário Atlético-MG também foram homenageados. Já o ex-jogador Zico recebeu das mãos do jornalista Flávio Prado o Troféu Constantino Cury.

A TV Gazeta exibirá o V Troféu Mesa Redonda às 21h30 (de Brasília) do próximo domingo.

Veja os escolhidos e opine no campo de comentários:

Goleiro
Marcos (Palmeiras), que teve a mãe como madrinha.

Lateral-direito
Léo Moura (Flamengo), que teve a namorada e cantora Perla como madrinha.

Zagueiros
Fábio Luciano (Flamengo), que teve o ex-zagueiro Ronaldão como padrinho.
Miranda (São Paulo), que teve o ex-zagueiro Oscar como padrinho.

Lateral-esquerdo
Leandro (Palmeiras), que teve o cantor Buchecha (e sósia) como padrinho.

Volantes
Hernanes (São Paulo), que teve o ex-meio-campista César Sampaio como padrinho.
Ramires (Cruzeiro), que teve a esposa Islana e o ex-técnico Mário Travaglini como padrinhos.

Meias
Jorge Wágner (São Paulo), que não foi à cerimônia.
Wágner (Cruzeiro), que teve seu tio Jacinto como padrinho.

Atacantes
Borges (São Paulo) , que teve o presidente Juvenal Juvêncio como padrinho.
Kléber (Palmeiras), que teve o ex-atacante César Maluco como padrinho.

Revelação
Keirrison (Coritiba), que teve o companheiro de clube Pedro Ken como padrinho

Técnico
Muricy Ramalho (São Paulo), que teve o ex-técnico Rubens Minelli como padrinho


Leia mais sobre: Campeonato Brasileiro



Alerta de Gols Receba notícias pelo seu celular

> Você tem mais informações? Envie para Minha Notícia, o site de jornalismo colaborativo do iG


Gazeta Press

Hernanes é só alegria
Jogador do São Paulo foi eleito em duas oportunidades o melhor jogador do Brasileirão

Topo