Tamanho do texto

Filipe Luís ou Marcelo? Firmino ou Gabriel Jesus? Quem atua na vaga do suspenso Casemiro? Cada brasileiro define uma equipe e cabe a Tite decidir

A dúvida atormenta o brasileiro. Talvez a principal seja na lateral-esquerda. Marcelo está se recuperando, mas Filipe Luís fez partida impecável contra o México. Marcelo, campeão europeu pelo Real Madrid, é extremamente técnico, habilidoso e ofensivo. Fundamental para o ataque canarinho. Já Filipe Luís é figura chave na linha de quatro defensiva, na retaguarda e recomposição. Sem Casemiro, suspenso, a questão aumenta. Eu colocaria Marcelo.

Leia mais: Tite ganha retorno de Douglas Costa

Lateral Marcelo voltou a treinar com a seleção brasileira, mas sua presença no time brasileiro é incerta
Pedro Martins / MoWA Press
Lateral Marcelo voltou a treinar com a seleção brasileira, mas sua presença no time brasileiro é incerta

Casemiro será grande desfalque. Faz ótima Copa do Mundo com seus desarmes e passes. Caiu como uma luva no time de Tite. Fernandinho, provável substituto, notoriamente não tem a mesma qualidade e nem mesmo as características do titular. O meio de campo belga é a principal força dos adversários. Tem atletas qualificados: jogadores rápidos e inteligentes. E prontos, sempre, buscando o eficiente Lukaku no comando do ataque. É um problema. No meio brasileiro , Willian foi bem demais no último jogo e merece permanecer.

E, no ataque, Firmino pede passagem. Tem poucos minutos em campo e se mostrou eficaz. Contra o México, por exemplo, entrou e teve estrela, fazendo o segundo gol da seleção brasileira . Gabriel Jesus - homem de confiança de Tite - quase conseguiu marcar o dele. Por uns dois centímetros a bola correu mais que seu corpo e foi parar nos pés de Neymar, na abertura do placar. No futebol, bola na casinha representa grandes trabalhos. Fora dela, questionamentos intermináveis. É tudo muito volúvel.

Leia mais: Neymar está calando a convicção de seus perseguidores

Jesus é importante para o grupo. Corre o tempo todo, volta até o campo defensivo e desarma adversários. Não tem medo de tempo ruim: encara, marca e volta a se projetar no ataque. Taticamente é impecável e Tite sabe disso. Eu deixaria Gabriel como titular. Pelo menos por mais meio tempo. Nós conhecemos bem o menino. Sabemos como pode terminar a história. Firmino fez ótima temporada no Liverpool e também merece uma oportunidade. Mas não sei - acho sinceramente que não - se é hora de trocar. Questionamento bom para a comissão técnica.

Firmino completa cruzamento de Neymar para marcar o segundo gol contra o México
Divulgação/Fifa.com
Firmino completa cruzamento de Neymar para marcar o segundo gol contra o México

Leia mais: Ronaldo defende Neymar

"Toda unanimidade é burra", disse certa vez Nelson Rodrigues. A dúvida está dominando o imaginário brasileiro . Ainda bem. E não é, por si só, uma unanimidade cega, absoluta e imbecil. Está nas mãos de Tite.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.