Tamanho do texto

Através do Twitter, Dan Gilbert expressa alegria ao ver o ex-jogador da sua equipe terminar a temporada sem a conquista do título

O título conquistado neste domingo não deixou apenas os jogadores, comissão técnica, e torcedores do Dallas Mavericks contentes. O proprietário do Cleveland Cavaliers, Dan Gilbert, também expressou sua felicidade ao ver o time texano superar o Miami Heat e se tornar o campeão da temporada 2010/11 da NBA .

Cerca de apenas 15 minutos após o fim da partida, Gilbert postou uma mensagem na sua conta do Twitter. Ele elogiou o Dallas pelo título, mas também aproveitou a oportunidade para cutucar LeBron James, ala do Miami.

“Parabéns a Mark Cuban (dono do Dallas) e a toda a organização do Mavericks”, escreveu Gilbert no micro blog. “A franquia nunca parou e agora conquista o anel de campeão. E fica uma velha lição para todos: não há atalhos. Nenhum”.

A mágoa de Gilbert teve origem em julho de 2010, quando LeBron resolveu deixar o Cleveland para assinar contrato com o Heat e jogar ao lado de Dwyane Wade e Chris Bosh . Na época, o dono do Cavaliers declarou que torcia para que o jogador continuasse sem vencer o título e chegou a decretar que a sua equipe se tornaria campeã antes do rival.

Gilbert não foi o único a demonstrar satisfação com a derrota de LeBron. Também pelo Twitter, o armador Mo Williams, que atuou no Cleveland ao lado do craque, afirmou: “O Dallas acabou de curar o meu coração”.

O Cavaliers terminou a temporada com a pior campanha da Conferência Leste, tendo vencido apenas 19 jogos dos 82 que realizou. Mas a franquia terá a chance de começar a se reconstruir a partir do próximo “NBA Draft”, pois terá direito à primeira e à quarta escolhas do recrutamento .

    Leia tudo sobre: nba
    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.

    Notícias Recomendadas