Tamanho do texto

Defesa do Miami congestiona o garrafão e fecha os espaços para as infiltrações do armador do Chicago

Getty Images
Derrick Rose encara marcação de LeBron James
O Chicago Bulls encontra-se em situação complicada. Depois de ter vencido dentro de casa o primeiro jogo da série melhor de sete contra o Miami Heat, sofreu duas derrotas seguidas e está em desvantagem na luta pela vaga na decisão da NBA. O insucesso nos dois últimos jogos está diretamente relacionado à dificuldade do time em atacar.

“É definitivamente frustrante”, afirmou Derrick Rose após a partida. “Nossa vontade não estava lá hoje (ontem). Eles encontraram uma maneira de vencer a partida com um basquete de bom nível, movimentando a bola, jogando simples. Nós precisamos encontrar uma maneira de ganhar a próxima partida”.

Rose marcou 20 pontos no jogo deste domingo. O armador, eleito o melhor jogador da temporada, foi dominado pela defesa do Heat. Tanto que arriscou apenas dois arremessos e anotou somente dois pontos durante todo o último quarto.

O Miami tem conseguido fechar os espaços no garrafão, limitando assim um dos pontos fortes de Rose ofensivamente: as infiltrações. A estratégia defensiva do time da Flórida vem dando resultado, já que o Bulls não tem convertido os arremessos de longa distância.

“Nós estamos tentando atacar, mas o garrafão está bastante congestionado, então precisamos fazer alguns ajustes para espalhar um pouco mais a defesa deles”, disse o ala Kyle Korver, que em seguida comentou: “Se perdermos um tiro e LeBron James ou Dwyane Wade ficarem com o rebote, é como se fosse um desperdício de posso e bola, porque
eles partem rapidamente para o contra-ataque”.

O técnico Tom Thibodeau analisa a situação de maneira diferente. Para ele, o fato de a defesa permitir que o Heat convertesse mais da metade dos arremessos que tentou é mais preocupante do que a dificuldade encontrada para atacar.

“Eles estão acertando os arremessos, nós precisamos desafiá-los mais”, comentou Thibodeau. “Temos de ajustar a nossa defesa. Fizemos um bom trabalho nos rebotes, mas não contestamos os arremessos deles”.

    Leia tudo sobre: nba
    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.