Tamanho do texto

Jogador do New Orleans Hornets ficou impressionado com alto número de rebotes ofensivos do time californiano

Lakers de Gasol e Bynum (de amarelo) levou a melhor nos rebotes
Getty Images
Lakers de Gasol e Bynum (de amarelo) levou a melhor nos rebotes
Trevor Ariza tem a explicação para a derrota do New Orleans Hornets. Para o jogador, a agressividade do Los Angeles Lakers foi determinante para o triunfo na quinta partida da série. Jogando em casa, o time californiano dominou o garrafão e venceu por 106 a 90 a noite desta terça-feira e abriu 3 a 2 no duelo melhor de sete jogos.

"Eles (Lakers) pegaram 15 ofensivos", disse Ariza impressionado após o duelo no Staples Center. "Eles jogaram lá dentro do garrafão o tempo inteiro. Foram muito agressivos e jogaram muito bem. Não há nada que possamos dizer".

O Lakers levou a melhor no garrafão. O time californiano pegou 45 rebotes contra apenas 25 do New Orleans. A equipe de Los Angeles pegou 15 no ataque. Já o Hornets conseguiu apenas três. Os anfitriões conseguiram 42 pontos na briga próxima ao aro e permitiu apenas 30.

Tal fato deu boas condições para os pivôs do Lakers. Andrew Bynum conseguiu anotar um "double-double" ao fazer 18 pontos e pegar dez rebotes (cinco no ataque). Já o espanhol Pau Gasol colaborou com 16 pontos e outros seis rebotes. A dupla de pivôs do New Orlenas não teve vida fácil. Somados, Emeka Okafor e Carl Landry conseguiram 13 pontos e nove rebotes.

Agora o Lakers tem 3 a 2 na série melhor de sete jogos. O time californiano precisa de mais um triunfo para avançar para a próxima fase dos playoffs. No entanto, o próximo duelo é na casa do Hornets. Caso o New Orleans vença e force o sétimo jogo ele acontecerá novamente em Los Angeles.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.