Duelo maluco entre Warriors e Timberwolves teve prorrogação e só foi definido no lance final
Reprodução/@timberwolves
Duelo maluco entre Warriors e Timberwolves teve prorrogação e só foi definido no lance final

A noite desta sexta foi bastante movimentada na NBA . Em mais uma rodada da liga de basquete norte-americana, Golden State Warriors e Minnesota Timberwolves deram um verdadeiro show. O resultado final, de 131 a 130 para os donos da casa, só veio após uma prorrogação e decisão infeliz de Kevin Durant no lance final.

A partida teve de tudo um pouco: show das principais estrelas, "chuva" de bolas de três, tempo extra, 37 pontos de Stephen Curry e diversas mudanças na liderança. Os Warriors , inclusive, chegaram a abrir 19 pontos de vantagem sobre os rivais no terceiro quarto da partida, mas permitiram a reação e acabaram derrotados.

Leai também: "Shows" de Harden e Embiid e susto de Antetokounmpo são destaques de 5ª

O final da partida é um capítulo à parte. No início do quarto e último quarto, as equipes estavam empatadas em 86. Ponto a ponto, os Wolves foram tomando conta do placar e abriram 104 a 95 com menos de seis minutos no relógio. Aí, foi a vez dos visitantes conseguirem uma recuperação.

Curry  e Durant se revezavam nas bolas de três, enquanto o restante do time trabalhava bem as faltas em cima dos rivais. No fim, quando o cronômetro apontava 50s para o final, o "Splash Brother" acertou outro de seus arremessos impressionantes e reduziu a vantagem dos Wolves para apenas um ponto: 115 a 114. O empate coube a Draymond Green, que ainda teve a chance de garantir a vitória, mas acertou apenas um lance livre e forçou a prorrogação.

No tempo extra, a situação se repetiu: a franquia de Minnesota abriu vantagem, mas não soube administrar. Com apenas 0,8s por jogar, novamente Stephen Curry brilhou e acertou uma bola de três espetacular para empatar tudo novamente: 130 a 130.

Você viu?

Quando todos já esperavam por uma segunda prorrogação, Kevin Durant colocou tudo a perder. Antes que os Wolves colocassem a bola em jogo, ele segurou Karl-Anthony Towns e a arbritragem assinalou a falta. Nos lances livres, Towns acertou o primeiro e "jogou fora" o segundo para gastar o tempo restante e garantir uma suada vitória por 131 a 130. Um jogaço!

Leia também: "Supercampeão", Manu Ginóbili tem camisa aposentada pelo San Antonio Spurs

Resultados da rodada da NBA - 29/03/2019

  • Indiana Pacers 112 x 114 Boston Celtics
  • Portland Trail Blazers 118 x 98 Atlanta Hawks
  • Denver Nuggets 115 x 105 Oklahoma City Thunder
  • Golden State Warriors 130 x 131 Minnesota Timberwolves
  • Washington Wizards 124 x 128 Utah Jazz
  • Charlotte Hornets 115 x 129 Los Angeles Lakers

Nuggets agradecem os Wolves

Em outro jogo importante para a classificação da Conferência Oeste, os Nuggets venceram o Oklahoma City Thunder fora de casa e, aproveitando o tropeço dos Warriors , igualaram os rivais na ponta da tabela. Agora, as duas franquias somam 51 vitórias e 24 derrotas.

Na partida desta sexta-feira, Jamal Murray, com 27 pontos, e Nikola Jokic, com 23, foram os grandes destaques dos Nuggets . Pelo Thunder, os astros Russell Westbrook e Paul George somaram para 52 pontos, mas não evitaram a derrota.

Restando apenas sete jogos para o final da temporada regular, Nuggets e Warriors devem brigar pela primeira posição do Oeste até o final e o encontro da próxima terça-feira, que será disputado na Califórnia, pode definir quem ficará na liderança. 

Leia também: Tim Hardaway diz que não está no Hall da Fama da NBA por comentários homofóbicos

    Leia tudo sobre: NBA

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários