Tamanho do texto

Os cinco anéis de campeão de Derek Fisher foram conquistados em 2000, 2001, 2002, 2009 e 2010, todos eles atuando pelo Los Angeles Lakers

O ex-jogador Derek Fisher atuou 18 temporadas na liga de basquete norte-americana
Reprodução
O ex-jogador Derek Fisher atuou 18 temporadas na liga de basquete norte-americana

O ex-jogador Derek Fisher atuou 13 temporadas com a camisa do Los Angeles Lakers e com a equipe, conquistou cinco títulos da NBA. Aposentado desde 2014, em 18 anos da liga, o ex-armador passou pelo Golden State Warriors, Utah Jazz, Oklahoma City Thunder e Dallas Mavericks.

LEIA MAIS: Ex-jogador da NBA confessou fumar maconha antes de entrar em quadra

Segundo o ex-jogador , na segunda-feira (30) alguém entrou em sua casa em Los Angeles e roubou mais de R$ 940 mil em jóias valiosas, incluindo seus cinco anéis de campeão da NBA, todos eles conquistados com o Lakers. Em depoimento prestado para a polícia, Fisher relatou que saiu de casa no distrito de Tarzana, às 7h30 daquela manhã e quando retornou, três horas mais tarde, pode perceber que havia alguém no local.

Embora Fisher não tenha ainda se pronunciado publicamente sobre o caso, os investigadores acreditam que o ladrão entrou na casa por uma porta lateral. A ocorrência está sendo analisada pelo Departamento de Polícia de Los Angeles e até o momento, nenhuma prisão foi feita.

LEIA MAIS: Após críticas, LeBron James ataca lenda da NBA: "Nunca cuspi em criança"

Atualmente, aos 42 anos, Derek Fisher é analista do Lakers no canal Specrtum Sportsnet. O norte-americano chegou ainda a treinar o New York Knicks por uma temporada e meia, mas a parceria não deu muito certo. No comando do time de Nova York, o então treinador teve um histórico recorde de 40 vitórias e 96 derrotas. Como jogador, em suas 18 temporadas na NBA, teve uma média de 8,3 pontos e três assistências por jogo.

LEIA MAIS: Com bancos definidos, NBA revela os times para o All-Star Game 2017


Réplica dos anéis

De acordo com o site "TMZ", o Los Angeles Lakers se disponibilizou em contatar as empresas responsáveis pela fabricação dos anéis para assim, conseguir réplicas das jóias. Ainda que não arque com os custos, a franquia busca uma maneira de que o ex-jogador tenha os prêmios da NBA vencidos em 2000, 2001, 2002, 2009 e 2010.

    Leia tudo sobre: NBA