Tamanho do texto

Ausência constante nas competições pela seleção brasileira nos últimos anos faz pivô do Wizards ser hostilizado pelo público. Leandrinho também é vaiado

Os frequentes pedidos de dispensa da seleção brasileira masculina de basquete ao longo dos últimos anos fizeram com que o pivô Nenê se tornasse alvo de críticas de Oscar Schmidt. Neste sábado, a torcida que compareceu à HSBC Arena, no Rio de Janeiro, para assistir à partida de pré-temporada entre Washington Wizards e Chicago Bulls mostrou ter ficado ao lado do ex-jogador nesta questão.

Deixe seu recado e comente a notícia com outros fãs de basquete

Quando teve o nome anunciado no quinteto titular do Wizards antes da partida, Nenê entrou em quadra e viu o público carioca se dividir. Alguns o aplaudiram, mas as vaias foram mais sonoras e acabaram ofuscando as manifestações de apoio. A mesma situação aconteceu no decorrer do confronto, nos momentos em que o pivô foi cobrar lances livres.

Leia também: Principal estrela do Bulls, Rose sente dores no joelho e não joga no Brasil

Com Oscar, o público não se dividiu. Logo no início do primeiro quarto, quando foi visto no lado de fora da quadra, o ex-jogador foi recepcionado de forma bastante calorosa pelos torcedores, que se levantaram e o aplaudiram, fazendo com que o jogo ficasse em segundo plano por alguns instantes. Mais tarde, durante uma pausa na partida, o ídolo do basquete brasileiro foi chamado para dentro da quadra, e as demonstrações de carinho foram ainda mais intensas e longas.

Veja ainda: Jogadores do Chicago Bulls admitem surpresa com torcida da equipe no Brasil

Nenê não foi o único hostilizado. Quando sua presença no ginásio foi anunciada, Leandrinho também ouviu muitas vaias do público. Vale lembrar que o ala-armador, a exemplo do pivô, pediu dispensa da seleção brasileira que foi eliminada ainda na primeira fase da Copa América, disputada no último mês em Caracas (Venezuela).

E mais: Filho de ex-astro da NBA busca espaço no Wizards e evita comparações com o pai

Questionado pelos jornalistas sobre as vaias aos dois atletas, Oscar simplesmente respondeu: "O povo entende tudo o que está acontecendo, não precisa falar nada."

    Leia tudo sobre: NBA
    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.