Tamanho do texto

Rubens Barrichello briga por uma vaga na escuderia para a próxima temporada

Williams e Force India estão entre as quatro equipes que não informaram o nome de seus pilotos em uma lista prévia de inscrições para a próxima temporada da Fórmula 1 divulgada nesta quarta-feira (30) pela Federação Internacional de Automobilismo (FIA).

Veja também: Brasil pode ter só um piloto pela primeira vez desde 1971

Esperava-se que a Williams incluísse ao menos o venezuelano Pastor Maldonado, que tem um patrocínio forte, em sua primeira lista de pilotos, mas os dois espaços foram deixados em branco e só serão confirmados futuramente.

Siga o iG Automobilismo no Twitter

O brasileiro Rubens Barrichello, que foi o companheiro de Maldonado na temporada 2011, espera ter seu contrato renovado com a escuderia para disputar no ano que vem sua 20ª temporada na Fórmula 1.

A Force India, que deverá contar em 2012 com os pilotos Paul Di Resta (Grã-Bretanha) e Nico Hulkenberg (Alemanha), também deixou os dois espaços em aberto, assim como Hispania e Toro Rosso.

A Hispania já anunciou a contratação do veterano espanhol Pedro de la Rosa como um de seus pilotos, mas o nome dele não foi incluído na lista preliminar.

A Lotus, ex-Renault, colocou apenas o nome do campeão mundial de 2007, Kimi Raikkonen. O russo Vitaly Petrov, o brasileiro Bruno Senna e o francês Romain Grosjean estão na disputa pela outra vaga da escuderia.

O alemão bicampeão mundial Sebastian Vettel, da Red Bull, terá o número 1 em seu carro pelo segundo ano seguido, enquanto seu companheiro de equipe, Mark Webber, da Austrália, será o número 2. Piloto da McLaren, o britânico Jenson Button será o número 3, com seu compatriota e companheiro de equipe, Lewis Hamilton, como número 4.