Tamanho do texto

Adrian Newey, diretor técnico da equipe, explicou porque a escuderia resolveu deixar a Fota

Ao contrário da Mercedes, que usará o carro deste ano no primeiro teste de 2012 , a Red Bull já planeja treinar com seu novo bólido desde a primeira sessão, que será disputada em Jerez (ESP) no dia 7 de fevereiro. A informação foi revelada por Adrian Newey, diretor técnico e principal projetista da escuderia.

Veja também: Sebastian Vettel já se vê como parte da história da Fórmula 1

“O plano é fazer o primeiro teste com o RB8. Como sempre, vai ser apertado, mas eu ficaria decepcionado se não conseguíssemos”, disse Newey, em entrevista à revista britânica Autosport .

Siga o iG Automobilismo no Twitter

O dirigente explicou a decisão da Red Bull de deixar a Associação das Equipes da Fórmula 1 (Fota, na sigla em inglês). De acordo com Newey, o Acordo de Restrição de Gastos (RRA, na sigla em inglês) estava difícil de ser controlado.

“A restição no túnel de vento funciona muito bem porque você pode medi-la. Acontece exatamente o mesmo com as restrições aos testes. Mas com algumas equipes envolvidas sendo subsidiárias de companhias automotivas maiores, fica difícil saber exatamente como seus recursos são divididos”, explicou Newey.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.