Tamanho do texto

Mexicano é um dos candidatos a ocupar a vaga de Felipe Massa caso o brasileiro não renove seu contrato

O mexicano Sergio Pérez conseguiu um bom desempenho em sua temporada de estreia na Fórmula 1  com a Sauber, em 2011, e seu principal patrocinador acredita que o piloto pode ir para a Ferrari já no ano que vem. O jovem é integrante da Academia de Pilotos da escuderia italiana e recentemente foi apontado como possível substituto do brasileiro Felipe Massa no time.

Leia também: Diretor da Mercedes diz que novo carro não tem grandes inovações

No ano passado, Pérez foi o 16º colocado da temporada , com 14 pontos ganhos. Ele também se envolveu em um acidente nos treinos para o Grande Prêmio de Mônaco, que o deixou fora de duas provas.

"Seu objetivo mais importante é esta temporada. Um bom Mundial em 2012 pode levá-lo às melhores equipes, mas um ano ruim teria efeitos opostos. Outra coisa é especular. Mas existe uma relação com a Ferrari em dois níveis. Um porque eles fornecem motor para a Sauber e outro porque ele faz parte do programa de jovens pilotos", afirmou o dono da Telmex, Carlos Slim Domit, ao diário espanhol AS .

Siga o iG automobilismo no Twitter

A empresa telefônica mexicana é uma das principais apoiadoras de pilotos e do automobilismo de seu país e apontada como uma das responsáveis pela entrada de Pérez na F1. No entanto, apesar de reconhecer a importância do patrocínio na Fórmula 1 atual, Domit ressaltou que o talento dos competidores ainda é o fator primordial para entrar e se manter na categoria.

Deixe o seu recado e comente a notícia com outros leitores

"Os times querem pilotos que consigam resultados e se eles tiverem patrocinadores é a melhor combinação", afirmou. "Mas há pilotos que não têm grandes apoiadores, como Kamui Kobayashi, e até a Toro Rosso, que trocou seus pilotos sem levar isso em conta", completou.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.