Tamanho do texto

Brasileiro diz que seu carro teve problemas técnicos no treino, mas acredita em melhora para o GP

Apesar de concluir o classificatório para o GP do Canadá em 16º, Rubens Barrichello afirmou neste sábado (11) que sua Williams tem chances reais de realizar uma corrida positiva neste domingo (12). O brasileiro disse que seu resultado negativo no treino em Montreal aconteceu por conta de problemas técnicos enquanto ele atuava pela segunda etapa do classificatório.

Siga o iG automobilismo no Twitter

Segundo Rubinho, seu bólido tinha condições de apresentar um treino melhor, mas sua posição no pelotão traseiro do grid apenas mudará a estratégia da Williams na corrida. “A 16ª posição nos força a trocar de estratégia”, disse. “Tínhamos um carro muito bom, que era capaz de coisas melhores, mas há vários pontos de ultrapassagem no Canadá e temos razões para acreditar em uma corrida forte”, completou.

O brasileiro, que fez o 10º melhor tempo na sexta-feira (10), justificou seu revés no classificatório. “Tive um problema no Q2, e o carro me puxava para fora da pista”, afirmou Rubinho.

Sebastian Vettel, líder do Mundial de Pilotos , larga na pole position, seguido de Fernando Alonso e Felipe Massa. O GP do Canadá ocorre às 14h deste domingo (12), com cobertura ao vivo do Tempo Real do iG.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.