Tamanho do texto

Consultor técnico da Toro Rosso afirma que pilotos tiveram muitas chances para mostrar serviço para a equipe

Helmut Marko, consultor técnico da equipe Toro Rosso, criticou a dupla de pilotos Sébastien Buemi e Jaime Alguersuari neste domingo (8). Segundo ele, os dois corredores tiveram chances suficientes para provar que poderiam ser vencedores e, como falharam nessa missão, perderam suas vagas na escuderia italiana .

Leia também: Alguersuari descarta Hispania e tenta vaga de reserva, diz jornal

Enquanto Alguersuari ainda não sabe o que fará na temporada 2012 , Buemi já tem trabalho certo. Ele será piloto reserva da Red Bull e da própria Toro Rosso. O chefe da Toro Rosso, Franz Tost, declarou no mês passado que a decisão de escolha dos novos pilotos (Jean-Éric Vergne e Daniel Ricciardo) foi tomada para garantir que a equipe continue sendo um grande centro de treinamento para os futuros talentos da Red Bull na Fórmula 1 em vez de um lugar para pilotos já consolidados na categoria

Responsável por supervisionar o processo de desenvolvimento dos corredores, Marko acredita que os dois tiveram oportunidades para provar até onde poderiam chegar: "A Toro Rosso foi criada para proporcionar aos jovens talentos uma chance. Alguersuari e Buemi tiveram isso por três anos e, após esse prazo, já é possível avaliar o desenvolvimento de um piloto", disse o consultor ao jornal Gazzetta dello Sport.

Siga iG Automobilismo no Twitter

"Nós não vimos nenhuma perspectiva de crescimento. Ambos têm capacidade para competir em Grandes Prêmios, mas para nós isso não é o suficiente: precisamos de vencedores", continuou Helmut Marko, que também não prevê mudanças na Toro Rosso em um futuro próximo, ainda que a equipe venha se tornando cada vez mais independente da Red Bull.

"Continuará sendo uma equipe italiana com sede em Faenza, orientada para jovens pilotos. Mas a Toro Rosso terá que continuar a se desenvolver de forma mais autônoma", concluiu.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.