Tamanho do texto

Terceiro colocado em Nurburgring, australiano afirma que não precisa ser Einsten para saber que escuderia precisa evoluir

Mark Webber, terceiro colocado no Grande Prêmio da Alemanha de Fórmula 1 neste domingo (24), demonstrou estar preocupado com a evolução dos rivais da Red Bull na categoria. A escuderia do australiano não venceu as últimas duas provas e viu os pilotos de Ferrari e McLaren, antes coadjuvantes no Mundial de Pilotos , subirem ao lugar mais alto do pódio.

Siga o iG Automobilismo no Twitter

O vencedor do GP alemão neste domingo foi o britânico Lewis Hamilton, que apresentou ritmo mais consistente do que Webber durante a prova e conquistou sua segunda vitória na temporada - a primeira foi no GP da China .

"Fomos derrotados na última corrida e derrotados aqui. Não precisa ser o Einstein para perceber que precisamos trabalhar duro", disse o australiano. "Precisamos continuar sendo consistentes e aprendendo. Temos uma grande fábrica e a durabilidade é boa, então vamos nos manter  pressionados", completou.

Largando da pole position neste domingo, Webber foi superado já na largada por Hamilton. O australiano chegou a lutar pela primeira colocação durante a prova, mas viu o rival e Fernando Alonso se distanciarem com o decorrer da prova e se disse desapontado.

"Sabemos o que precisamos melhorar e não podíamos dar muito mais do que isso hoje. Estou um pouco desapontado por não conseguir a vitória, tivemos uma boa briga nos pit stops, então é uma mistura de emoção", afirmou.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.