Usman
Instagram
Usman

Kamaru Usman e Jorge Masvidal voltam a se enfrentar neste sábado em uma disputa de cinturão dos meio-médios (77 kg), no UFC 261, que acontece em Las Vegas (EUA).

A luta marcará mais uma luta da superestrela nigeriana, que foi duramente atingido pelo Covid-19, justamente após seu primeiro combate contra Masvidal, em julho de 2020, quando o americano entrou de última hora após o teste positivo do brasileiro 'Durinho'. Naquele oportunidade, Usman venceu por decisão unânime dos jurados.

Em entrevista, o nigeriano contou sobre tudo o que passou por conta do vírus. Segundo o lutador, o corpo ficou tão desidratado que seu xixi passou a ser totalmente composto por sangue. Além disso, perdeu o olfato e cerca de 17 kg. Diante do quadro, passou a pensar que a morte estava próxima. "Cara, acabei de ganhar todo esse dinheiro e não vou conseguir gastá-lo", afirmou.

Usman aponta que começou a sentir sintomas depois que voou de Fight Island, em Abu Dhabi, para sua casa no Colorado. No início, o lutador lembra que pensou que venceria a Covid-19 de forma rápida, porém, após cinco dias de sintomas, foi ao pronto-socorro local para tratamento.

Felizmente, Usman conseguiu se recuperar e voltou ao octógono em fevereiro de 2021, onde derrotou Gilbert Burns.

Usman não perde uma luta de MMA desde 2013. Ele está atualmente em uma sequência de 17 vitórias consecutivas.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários