Tamanho do texto

Em 13º, piloto da Lotus Renault diz que tráfego o atrapalhou durante a corrida

Bruno Senna apontou sua largada ruim como motivo de não ter feito um bom Grande Prêmio da Coreia do Sul . Neste domingo (16), o brasileiro largou em 15º e finalizou a corrida na 13ª colocação. Segundo o piloto, sua Lotus Renault ficou presa atrás de muitos carros e não havia maneira de escapar desse tráfego para chegar aos pontos.

Veja também: Com nova vitória de Vettel, Red Bull é bicampeã do Mundial de Construtores

“Tive um mau começo e minha corrida foi prejudicada a partir daí”, analisou Senna. “Consequentemente fiquei preso atrás de uma série de outros carros e isso restringiu minha capacidade de chegar aos pontos. Não foi por falta de um bom rendimento do meu carro, que estava bom. Fui incapaz de progredir da posição que fui parar”, completou.

Apesar de não ter conseguido pontuar, o brasileiro afirmou que tirou proveito da etapa sul-coreana. “Serviu para aprender o traçado da pista e tirar mais conhecimento do carro”, afirmou Senna, que ainda disse estar ansioso pela próxima etapa da temporada . “Nunca tive contato com a cultura indiana e agora estou focado no GP da Índia”, justificou.