Tamanho do texto

Líder do Mundial, espanhol mostra insatisfação e diz que Ferrari precisa melhorar para GP do Japão, próxima etapa do Mundial

Mesmo largando da quinta posição, alcançado o pódio  e permanecido na liderança do campeonato, Fernando Alonso não mostrou satisfação com o resultado obtido na prova em Marina Bay, Cingapura, neste domingo (23). Para o bicampeão espanhol, seu terceiro lugar não deve ser comemorado, já que a equipe italiana não conseguiu acompanhar o ritmo das principais rivais, Red Bull e McLaren.

Leia também:  Vettel aproveita abandono de Hamilton e vence GP de Cingapura

Preocupado, Fernando Alonso afirmou que a Ferrari precisa ter um carro mais rápido e competitivo para o GP do Japão, local da próxima etapa do campeonato, em 7 de outubro. O espanhol disse que a equipe não foi rápida o suficiente e que é urgente uma melhora. "Este ano está imprevisível, mas precisamos melhorar o desempenho que tivemos aqui. Precisamos estar em melhor posição em Suzuka”, disse Alonso, que tem 29 pontos de vantagem para Sebastian Vettel, da Red Bull, vencedor em Cingapura e novo vice-líder do Mundial.

Deixe seu recado e comente a notícia com outros leitores

Alonso também comentou sobre a sorte que teve neste domingo, uma vez que Lewis Hamilton liderava a prova, mas abandonou. O inglês da McLaren é tido por Alonso como seu principal adversário e uma vitória de Hamilton deixaria a vantagem de Alonso ainda mais apertada. "Em Monza estávamos bem e Vettel abandonou, e aqui Hamilton abandonou. Para mim isso é ótimo. Mas nem sempre podemos contar com a sorte. Precisamos melhorar o quanto antes se quisermos ser campeões no fim do ano”, disse.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.