Tamanho do texto

Piloto britânico diz estar feliz com o resultado, mas ressalta que primeira posição não significa muita coisa

O piloto britânico Lewis Hamilton conseguiu a pole position no treino classificatório do Grande Prêmio de Cingapura , em Marina Bay, ficando meio segundo à frente de Pastor Maldonado e desbancando o favoritismo de Vettel. Apesar de estar satisfeito com o resultado, o corredor pediu cautela, pois, segundo ele, a pole position não significa muito.

Leia também:  Hamilton sobra no classificatório e faz a pole position

“Eu estou muito feliz com a pole position. Está sendo um bom final de semana até agora, mas ainda não somamos nenhum ponto. Será uma corrida longa e difícil, então precisamos ter cuidado. Eu espero ter feito o trabalho necessário para nos colocar em uma boa posição para amanhã. O segredo será ficar longe dos problemas e economizar os pneus”, disse.

Ao falar da McLaren, ele não conteve os elogios, e ressaltou o esforço realizado para melhorar a cada corrida. “O pessoal na fábrica fez um trabalho incrível para que tivéssemos atualizações neste final de semana. Em anos anteriores, estávamos um pouco atrás no desenvolvimento ao longo da temporada, mas neste ano estamos no lugar certo”.

Siga iG Automobilismo no Twitter

Hamilton ainda mostrou confiança para conquistar o título mundial deste ano. “Eu sempre acreditei que, se começássemos forte uma temporada, nós poderíamos disparar na frente. Nós sempre estivemos na briga durante todo o campeonato, mas eu acho que agora estamos começando a ver a real força da equipe”, completou.

A corrida do GP de Cingapura, 14ª etapa da temporada de Fórmula 1 , acontecerá neste domingo (23), às 9 horas (Brasília). 


    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.