Tamanho do texto

Francês diz que não sabe ao certo de quem foi a culpa pela forte batida na primeira curva do GP da Bélgica, que tirou Alonso, Hamilton e Pérez da disputa

Apontado como responsável pelo acidente na primeira curva do Grande Prêmio da Bélgica de Fórmula 1, deste domingo (2), o francês Romain Grosjean diz não saber de quem foi a culpa. Além dele, o britânico Lewis Hamilton, o espanhol Fernando Alonso e o mexicano Sergio Pérez abandonaram a corrida por causa da batida. Depois da prova, a FIA (Federação Internacional de Automobilismo) puniu o piloto e ele não poderá disputar o GP da Itália , no próximo fim de semana. 

Leia também: Button vence na Bélgica em prova marcada por forte acidente na largada

O piloto da Lotus forçou na largada pelo lado direito e tocou na McLaren de Hamilton. Ele perdeu o controle do carro, bateu novamente no britânico e colidiu com Alonso, passando por cima do veículo do piloto da Ferrari e acertando Sergio Pérez.

Deixe seu recado e comente a notícia com outros leitores

"Tive um começo muito bom e de repente pronto, era o fim da corrida. Ainda não vi as imagens do acidente e preciso dar uma olhada para ter algum ponto de vista", disse o francês ainda durante a corrida. "Não sei se a culpa foi realmente minha. Mas o principal é que todo mundo está bem. Isso é o mais importante para mim", afirmou.

Siga o iG Automobilismo no Twitter

O acidente na primeira curva no GP da Bélgica não deixou feridos. Fernando Alonso precisou de ajuda para deixar seu carro, mas está bem. Ele passou por exames de verificação ainda no circuito de Spa-Francorchamps e qualquer lesão grave foi descartada pelos médicos.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.