Tamanho do texto

Prova em Hungaroring, primeira da metade final do campeonato e a última antes da pausa de agosto, pode decidir o rumo do Mundial de 2012

A temporada 2012 da Fórmula 1 chega neste fim de semana a um momento crucial. Será disputada na Hungria a 11ª etapa do calendário, a primeira prova da metade final do campeonato. A corrida também será a última antes da pausa que será realizada durante o mês de agosto.

Leia também: Maria de Villota recebe alta de hospital espanhol após acidente

O campeonato, que começou completamente imprevisível e equilibrado, começa, finalmente, a mostrar certa definição. Depois de as sete primeiras provas terminarem com o recorde histórico de sete vencedores diferentes, o panorama do Mundial mudou: na Alemanha, Fernando Alonso chegou à sua terceira vitória e disparou na liderança .

Depois de grandes resultados nas últimas provas, o espanhol tornou-se então o grande favorito ao título de 2012. Após um início de ano em grande desvantagem, a Ferrari conseguiu mostrar evolução no carro e o espanhol aproveitou para dominar os adversários. Agora, espera mais uma vitória na Hungria para encaminhar a segunda parte do Mundial para o seu tricampeonato.

Ainda na escuderia de Maranello, Felipe Massa assumiu o papel de ajudar seu companheiro e a equipe no Mundial. O brasileiro, que mostrou certa evolução em seus resultados durante o ano, tem contrato com a Ferrari até dezembro e pode assegurar mais um ano na equipe se realizar uma boa corrida no fim de semana.

Deixe seu recado e comente esta notícia com outros leitores

A prova húngara também será importantíssima para a Red Bull. Com Mark Webber em segundo e Sebastian Vettel na terceira posição do Mundial , a equipe austríaca aposta em um bom desempenho em Hungaroring para manter a liderança entre as equipes sem deixar que Alonso dispare no Mundial de Pilotos.

Para a McLaren, a prova antes das “férias” de agosto tem ainda mais importância. Os pilotos da equipe inglesa já começam a ver Alonso bem longe na classificação: enquanto o espanhol tem 154 pontos, Lewis Hamilton está em quinto, com 92, e Jenson Button é o sétimo, com 68. Com isso, a equipe que começou o ano como favorita para bater a Red Bull ocupa a terceira posição no campeonato, apenas um ponto à frente da Lotus.

Além disso, o time de Woking também vive a expectativa dos preparativos para 2013. Hamilton, que passou toda sua carreira na McLaren, ainda não renovou seu contrato e pode deixar o time no ano que vem. O britânico afirmou que espera decidir seu futuro justamente em agosto .

Siga o iG Automobilismo no Twitter

Enquanto isso, a Lotus tenta chegar à primeira vitória antes da parada de agosto. A equipe de Romain Grosjean e Kimi Raikkonen tem mostrado bons resultados, mas ainda não conseguiu cruzar a linha de chegada na primeira posição. A Mercedes, por outro lado, já venceu com Rosberg e chegou ao pódio com Michael Schumacher, mas admite que terá de ganhar velocidade para voltar a brigar no topo.

Webber (esq.) e Vettel (dir.) tentam não deixar Alonso disparar na liderança na segunda metade do campeonato
AP
Webber (esq.) e Vettel (dir.) tentam não deixar Alonso disparar na liderança na segunda metade do campeonato

No meio da tabela, a Sauber foi o grande destaque da primeira metade com dois pódios de Sergio Pérez e tenta coroar na Hungria a boa fase que teve na Alemanha, com seus pilotos entre os seis primeiros. A Williams, por outro lado, já venceu com Pastor Maldonado, mas sofre para conseguir pontuar, seja pela inconsistência do venezuelano em corrida, ou por classificatórios abaixo do esperado de Bruno Senna. A Force India fecha esse bloco com Nico Hulkebenberg e Paul di Resta, que tentam subir no pódio pela primeira vez no ano antes de agosto.

Com todos esses ingredientes, o momento é crucial. O rumo da temporada 2012 da Fórmula 1 depende bastante do GP da Hungria deste fim de semana. Aqueles que conseguirem alcançar seus objetivos neste domingo (29), sairão com vantagem para a reta final, que começará a ser disputada apenas no início de setembro, em Spa Francorchamps, na Bélgica.

Confira a programação completa do fim de semana da Fórmula 1 na Hungria*:

Sexta-feira, 27 de julho
1º treino livre: 5h
2º treino livre: 9h

Sábado, 28 de julho
3º treino livre: 6h
Classificatório: 9h

Domingo, 29 de julho
Grande Prêmio da Hungria: 9h

* Sempre pelo horário de Brasília