Tamanho do texto

Com condições de vencer, alemão quer recompensar apoio dos fãs no circuito de Hockenheim

Sabendo que será um dos mais ovacionados pela torcida alemã no circuito de Hockenheim, o heptacampeão Michael Schumacher espera um bom desempenho da Mercedes em sua corrida em casa, no dia 22 de julho, para recompensar o incentivo vindo das arquibancadas.

Leia também: Perto de correr seu 100º GP, Hamilton elogia circuito de Hockenheim

"Este é o primeiro ano em que a Mercedes é capaz de correr na frente. Por conta disso, esperamos recompensar o grande apoio dos fãs com nossa performance", afirmou Schumacher nesta sexta-feira (13).

"Esperamos ver vários colegas da Mercedes nas arquibancadas e queremos, particularmente, nos apresentar bem diante deles. Nos desafiamos a dar a todos uma razão para comemorar no próximo final de semana", acrescentou.

Siga o iG Automobilismo no Twitter

Para Ross Brawn, chefe da escuderia, o mais importante no GP da Alemanha é recuperar a consistência da equipe. Nas últimas três corridas, Schumacher oscilou entre 22ª, terceira e sétima colocações. Nos mesmos finais de semana, seu companheiro, Nico Rosberg, foi duas vezes sexto e uma 15º.

"Nas últimas corridas, nosso desempenho oscilou e variou de pódios para términos no fim da zona de pontuação. Temos que trabalhar duro e melhorar nosso nível de consistência e capacidade de competir na linha de frente", cobrou Brawn.

Deixe o seu recado e comente a notícia com outros leitores

Para o dirigente, as características do circuito alemão podem influenciar positivamente no resultado da Mercedes: "O traçado de Hockenheim deve ser mais adequado ao W03 (atual carro da escuderia) do que o de Silverstone, caracterizado pela alta velocidade. Estamos trazendo novas atualizações para o carro que devem ajudar nosso desempenho. Obter um bom resultado na Alemanha será muito especial, então estamos trabalhando duro para conquistar isso".

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.

    Notícias Recomendadas