Tamanho do texto

Dirigente está na Inglaterra para apresentar proposta para corrida que aconteceria nas ruas londrinas

O chefão da Fórmula 1 , Bernie Ecclestone, afirmou nesta quinta-feira (28) que considera a possibilidade de financiar ele próprio a realização de um GP nas ruas de Londres, Inglaterra. O dirigente, que está na capital inglesa para um evento no qual pretende apresentar suas ideias para a realização da corrida, reiterou sua crença de que Londres é o local perfeito para realizar um GP de F1.

Leia também: Após oito etapas, Massa segue sem superar Alonso em classificatórios ou GPs

Segundo o jornal inglês The Times , o dirigente de 81 anos estaria disposto a investir 55 milhões de dólares (cerca de 100 milhões de reais) do próprio bolso para organizar a prova. A ideia é que o GP seja realizado em um circuito de quatro quilômetros, que passaria pelos principais pontos turísticos de Londres, entre eles o Palácio de Buckingham e o Big Ben, e poderia abrigar até 120 mil espectadores. A sugestão de Ecclestone é que o traçado do circuito também passe ao redor do novo estádio construído especialmente para as Olimpíadas 2012. Embora a ideia ainda esteja longe de ser realizada, Ecclestone afirmou que a proposta pode ser bastante lucrativa e que estaria disposto a financiá-la.

Siga o iG Automobilismo no Twitter

"Do jeito que as coisas estão, nós podemos tentar realizar o GP e eu posso até pôr o dinheiro", disse o dirigente ao The Times . "Se conseguirmos aprovação, acho que a corrida pode acontecer. Pense o que isso faria pelo turismo da cidade. Seria fantástico. Bom para a Inglaterra e bom para Londres. Bem melhor que as Olimpíadas", disse.

Deixe seu recado e comente a notícia com outros leitores

A realização da prova nas ruas londrinas não impossibilitaria a realização do tradicional GP que já acontece na Inglaterra, uma vez que o circuito de Silverstone possui contrato em vigor com a F1.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.