Tamanho do texto

Acidente no início do treino impede que australiano dê volta rápida e fica apenas em 22º na São Paulo Indy 300; Castroneves também se dá mal e larga em 18º

Ryan Hunter-Reay se aproveitou do prejuízo de Will Power e cravou a pole em São Paulo
Claudio Capucho/Fotoarena
Ryan Hunter-Reay se aproveitou do prejuízo de Will Power e cravou a pole em São Paulo

Um acidente na primeira parte do treino classificatório bagunçou o grid de largada da São Paulo Indy 300. Por causa de uma batida que provocou a bandeira vermelha ainda no começo da sessão, Helio Castroneves e Will Power não puderam cravar uma volta rápida e terão de largar no pelotão de trás. Melhor para Ryan Hunter-Reay, que cravou a pole nas ruas do Anhembi. É a segunda vez na carreira que o americano sai na frente.

Acredita em vitória de um brasileiro no GP de São Paulo? Comente

O melhor brasileiro foi Tony Kanaan, quarto colocado. O piloto da KV superou as dores na mão direita, luxada, e até deu mostras de que poderia largar na ponta ao quebrar o recorde do circuito na segunda parte do treino, mas não repetiu o desempenho na etapa final. EJ Viso largará em segundo e Dario Franchitti, em terceiro.

Bandeiras vermelhas atrapalham na primeira parte
O grupo A contava apenas com Tony Kanaan de brasileiro. As tentativas dos pilotos em conseguir um bom tempo foram menores que os 15 minutos previstos. Isso porque Tristan Vautier errou no S do Samba e acertou em cheio o muro, causando a bandeira vermelha. Foi sua terceira batida no local neste sábado.

Na hora da batida, o francês da Schimidt tinha a quarta colocação, mas, por ter provocado a interrupção da sessão, perdeu sua melhor volta e caiu para 11º. Assim, os classificados para a segunda fase foram EJ Viso, Dario Franchitti, Tony Kanaan, Marco Andretti, Takuma Sato e Scott Dixon.

Pior ainda aconteceu no grupo B. James Jakes se acidentou antes mesmo que muitos pilotos pudessem dar uma volta rápida. A batida provocou a bandeira vermelha e prejudicou a dupla da Penske Helio Castroneves e Will Power. O brasileiro largará em 18º, enquanto o australiano, que dominou as sessões de treino livre, será o 22º.

Kanaan quebra recorde na segunda parte, mas é quarto
A segunda parte do treino foi realizada sem confusões. Tony Kanaan fez uma excelente volta e quebrou o recorde do circuito de São Paulo ao cravar 1min20s4953 e avançou na primeira posição para a etapa final. Hinchcliffe, Viso, Franchitti, Hunter-Reay e Dixon foram os outros classificados.

Na briga pela pole, porém, o piloto da KV não conseguiu repetir o mesmo desempenho na terceira fase. Com 1min20s9903, ficou com o quarto melhor tempo. A pole ficou com Ryan Hunter-Reay, atual campeão da Indy, que completou a volta em 1min20s5471.

GRID DE LARGADA DA SP INDY 300
1. Ryan Hunter-Reay EUA/Andretti
2. EJ Viso VEN/Andretti 
3. Dario Franquitti ESC/Chip Ganassi 
4. Tony Kanaan BRA/KV
5. James Hinchcliffe CAN/Andretti 
6. Scott Dixon AUS/Chip Ganassi 
7. Sebastien Bourdais FRA/Dragon 
8. Simona De Silvestro SUI/KV 
9. Justin Wilson ING/Dale Coyne 
10. Marco Andretti EUA/Andretti 
11. JR Hildebrand EUA/Panther 
12. Takuma Sato JAP/AJ Foyt 
13. Oriol Servia ESP/Panther
14. Alex Tagliani CAN/Barracuda 
15. Ed Carpenter EUA/Ed Carpenter
16. Bia Figueiredo BRA/Dale Coyne 
17. Charlie Kimball ING/Chip Ganassi
18. Helio Castroneves BRA/Penske 
19. Graham Rahal EUA/Rahal
20. Sebastian Saavedra COL/Dragon 
21. Tristan Vautier FRA/Schmidt
22. Will Power AUS/Penske 
23. Josef Newgarden EUA/Sarah Ficher
24. Simon Pagenoud FRA/Schmidt 
25. James Jakes ING/Rahal 


    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.