Cássio, do Corinthians, se manifesta após sofrer agressão na Vila: 'Atitudes precisam ser tomadas'
Lance!
Cássio, do Corinthians, se manifesta após sofrer agressão na Vila: 'Atitudes precisam ser tomadas'


O goleiro Cássio, vítima de agressão após a vitória do Santos sobre o Corinthians na Copa do Brasil , usou suas redes sociais para se manifestar sobre o ocorrido na Vila Belmiro.

+ GALERIA - Veja renda de todos os jogos do Timão na Arena em 2022

Após o apito final, o goleiro deixava o campo quando foi surpreendido pelas costas por um torcedor que invadiu o gramado. O homem foi parcialmente contido, e o camisa 12 do Timão conseguiu se defender.

Além de repudiar o que aconteceu na Vila Belmiro, Cássio disse que os atos de violência não podem ser normalizados e medidas devem ser tomadas para evitar uma tragédia.

- Não podemos normalizar o que aconteceu ontem na Vila Belmiro. Estivemos diante da possibilidade de uma situação bem mais grave. Atitudes precisam ser tomadas, antes que aconteça alguma tragédia iniciou o camisa 12 do Timão em seu Instagram.

Cássio agradeceu o apoio que recebeu, especialmente dos jogadores do Santos que se mobilizaram para protegê-lo e condenar os atos que aconteceram no jogo de volta das oitavas de final da Copa do Brasil.

+ TABELA - Simule os jogos do Corinthians no Brasileirão

- Quero aqui agradecer o apoio e as manifestações que recebi. Em especial fica o meu agradecimento aos jogadores do Santos que se posicionaram de maneira contrária ao fato. A união dos jogadores, independente de qual camisa vestem, nos dá esperança de que é possível melhorar nosso futebol, desde que haja boa vontade de todos os envolvidos - concluiu o goleiro em comunicado emitido no seu Instagram.

Mais cedo, o meia-atacante Willian também usou suas redes sociais condenando os atos de violência na Vila Belmiro e pedindo para que os responsáveis sejam punidos e que as 'autoridades façam a sua parte'.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários